FlatOut!
Image default
Automobilismo

A trajetória da Honda na Fórmula 1 – de 1962 a 2021

— "Estamos planejando competir na Fórmula 1. Quero que você supervisione o projeto", dizia a voz no outro lado da linha. — "O que é Fórmula 1?", perguntou intrigado o pobre homem que recebera a ligação de seu chefe. "Já vi umas fotos, mas não sei o que é. Pode me explicar?", completou. — "Eu também não sei", disse a voz no outro lado. "Não tem problema. Todo mundo é iniciante no começo". Foi com esta conversa que o projeto da Honda na Fórmula 1 começou em maio de 1962. Os personagens eram Hideo Sugiura, gerente de qualidade da fábrica da Honda em Saitama, que recebeu o convite, e Yoshihito Kudo, diretor do departamento de pesquisas da Honda, que fez o convite. Se a conversa foi assim mesmo ou foi um pouco romantizada, não importa. O que importa é que a Fórmula 1 era uma realidade muito distante, quase alienígena para os funcionários da Honda na época. O pouco que eles sabiam vinha de um Cooper Clímax T53 que fora comprado no final de 1961 para entender como se fazia um