FlatOut!
Image default
Automobilismo Carros Antigos Vídeos

Como era pilotar um Opala da Stock Car na década de 1980?


Temos muita sorte por, hoje em dia, podermos ver exatamente o que um piloto vê em um carro de competição, seja da Fórmula 1, do WRC, das 24 Horas de Le Mans, ou de qualquer outra categoria. Câmeras minúsculas, de alta definição e com boa captação sonora permitem que tenhamos a sensação de estar no lugar do piloto, e possamos ver como ele negocia com cada curva, acompanhando cada frenagem, cada esticada, e qualquer perrengue que ele possa passar ao volante. É possível guardar horas e horas de vídeos onboard em um cartão de memória, apagar, gravar de novo. É uma das coisas boas de se viver nessa altura de 2020. Agora, há algumas décadas atrás, as coisas não eram assim. Um piloto não podia prender uma pequena câmera no capacete para mostrar às outras pessoas o que ele via enquanto estava pisando fundo no autódromo, guardar aquelas imagens para a posteridade  ou mesmo para comparar sua performance em diferentes ocasiões, a fim de detectar possíveis erros e pontos que precisavam de