A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Carros Antigos História

Como uma coleção de US$ 20 milhões acabou abandonada à própria sorte no Brasil

O ano era 1949. Três jovens paulistanos de apenas 15 anos juntaram suas economias e arremataram em sociedade um velho Fiat 1929 para encurtar as distâncias da já grande cidade de São Paulo. O aspecto do carro não era dos melhores — imaginem vocês o que era um carro de 20 anos naquela época. Ele estava todo remendado e sua carroceria cheia de podres. Mas funcionava razoavelmente, e levava os três garotos de um lado para o outro, com eventuais passagens forçadas em delegacias de polícia. Um dia, depois de uma temporada de férias na praia com o carro, ele apodreceu de vez e o transporte dos garotos chegou ao fim. Mais tarde, Lee ganhou um Chevrolet novo em folha, presente de sua família. Lee era herdeiro de uma rica família de industriais paulistas e aprendera a dirigir em um Bugatti Baby Electric — uma miniatura elétrica feita pela própria Bugatti nos anos 1920— nas longas alamedas da mansão de seu avô. Ganhar um Chevrolet zero no início dos anos 1950 parecia o sonho de qual

Matérias relacionadas

Guia de compra Chevette “Tubarão”: tudo o que você precisa saber

Leonardo Contesini

AMC Javelin: o muscle car “esquecido” feito para brigar com o Mustang

Dalmo Hernandes

Como seria a perseguição de Bullitt se ela tivesse sido gravada em Silverstone?

Leonardo Contesini