FlatOut!
Image default
História Zero a 300

Daytona Decepzione: quando a Dodge colocou um V8 Lamborghini em um de seus carros


Quem está a fim de conhecer um protótipo obscuro do fim dos anos 80 que trazia uma das mais improváveis combinações de carro e motor que podem existir? É claro que é você, caro leitor, que nunca recusa a chance de ampliar seu "bestiário" automotivo. E o Dodge Daytona Decepzione é um daqueles carros que parecem ter vindo de um universo alternativo. Mas não, ele é apenas o fruto de tempos estranhos para a Chrysler e para a Lamborghini. Em 1987, a primeira comprou a segunda. Salvando a Lamborghini da falência, a gigante americana pretendia aproveitar o know how dos italianos em seus esportivos (o que de fato aconteceu, na forma do Dodge Viper). Já a companhia italiana precisava desesperadamente de dinheiro, visto que os últimos anos haviam sido difícieis: a fabricante de esportivos fundada por Ferruccio Lamborghini já havia trocado de mãos algumas vezes, tinha um supercarro já defasado (embora o Countach nunca t