A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

Esta Chevrolet Caravan pode ser a perua de tração traseira que você queria

Você é daqueles que lamentam a morte das peruas todos os dias? Não aceita que os SUVs tomaram seu lugar no mercado? Ao mesmo tempo, também gostaria de um carro à moda antiga, com tração traseira, carburador e câmbio manual, sob medida para curtir aos fins de semana e levar toda a sua tralha? Pois, como diz a velha máxima do Casseta & Planeta, seus problemas acabaram: esta Chevrolet Caravan Comodoro 1982 pode ser o carro certo para te ajudar a afirmar tudo isto. Ela está à venda, anunciada no GT40, e é nosso Achado meio Perdido de hoje!

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Plano de assinatura com todos os benefícios: acesso livre a todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site, download de materiais exclusivos, participação em sorteios e no grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!), além de veiculação de até 7 carros no FlatOuters e até 3 anúncios no site GT40, bem como descontos em oficinas e lojas parceiras*!

R$20,00 / mês

*Benefícios sujeitos ao único e exclusivo critério do FlatOut, bem como a eventual disponibilidade do parceiro. Todo e qualquer benefício poderá ser alterado ou extinto, sem que seja necessário qualquer aviso prévio.

CLÁSSICO

Plano de assinatura na medida para quem quer acessar livremente todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site1, além de veiculação de até 3 carros no FlatOuters e um anúncio no site GT402.

De R$14,90

por R$9,90 / mês

1Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em oficinas ou lojas parceiras.
2A quantidade de carros veiculados poderá ser alterada a qualquer momento pelo FlatOut, ao seu único e exclusivo critério.

A Caravan foi lançada em 1974 como modelo 1975, já com a nova dianteira da linha, inspirada pelo Chevrolet Malibu norte-americano. A GM do Brasil decidiu aproveitar o sucesso do Opala para oferecer uma opção de carroceria mais prática e espaçosa, voltada para famílias e excelente para longas viagens onde se precisava levar toda a tralha e mais um pouco – o porta-malas acomodava 774 litros normalmente, e quase 1.200 litros com o banco traseiro rebatido.

Desenvolvida no Brasil, a Chevrolet Caravan seguia as formas e pegava emprestado o nome da Opel Rekord Caravan. Exceto que a perua original alemã tinha quatro portas, enquanto a nossa Caravan foi vendida apenas com duas portas, a fim de satisfazer a preferência do mercado brasileiro na época.

Uma vez lançada, a Caravan acompanhou o Opala em todas as suas reestilizações até o fim de sua produção, em 1992. O exemplar anunciado no GT40, por exemplo, é de 1982 – pouco depois de a linha Opala ter adotado faróis retangulares (a popularmente chamada “frente quadrada”) e um interior bem mais moderno, com formas mais limpas e retas, que rompia enfim com a estética dos anos 60.

O carro pertence a Marcos Rainier de Sá, de São Borja (RS). Ele conta que o carro está com a estrutura muito íntegra, a carroceria bem alinhada e a pintura na cor Prata Azulado com excelente aparência. Marcos ressalta que as rodas de aço estampado de 14 polegadas foram pintadas na mesma cor da carroceria – uma homenagem à série especial Silverstar, que foi lançada para a linha 1982. Elas também ganharam sobre-aros cromados. Faróis e lanternas são originais Cibié, e os vidros originais receberam novos frisos. Outro toque de personalização no carro são os faróis auxiliares Halogen com capas.

O interior, segundo Marcos, traz todos os revestimentos originais – há alguns sinais de desgaste nos bancos e revestimentos de porta, mas o estado geral do habitáculo é bom. Não há muitos equipamentos, porém – apenas direção hidráulica, ar quente e um rádio Pioneer moderno.

O motor da Comodoro é o quatro-cilindros de 2,5 litros (151 pol³) a gasolina,, com carburador Weber DFV 228. Velas e filtros são novos, e foi instalado um coletor de escape 4×2 dimensionado, com saída dupla. Marcos diz que o motor está bem acertado, com a marcha lenta perfeita e funcionamento liso por toda a faixa de rotações. O câmbio é manual de quatro marchas, com a ré para trás. Suspensão e freios também estão em bom estado, funcionando direitinho.

O valor pedido é bem interessante pelo estado geral do carro, considerando a valorização recente e contínua dos carros antigos brasileiros. A Caravan pode ser uma opção interessante para quem só quer um carro antigo bem conservado para curtir aos finais de semana, claro, mas também nos parece uma excelente base para um projeto mais complexo – como um swap para motor de seis cilindros, por exemplo.

Se você ficou interessado, pode clicar aqui para acessar o anúncio e pegar os contatos do proprietário.


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! no qual selecionamos e comentamos anúncios do GT40.com.br de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios nem pelas negociações decorrentes – todos os detalhes devem ser apurados atenciosamente com o anunciante!

Matérias relacionadas

WOW! Um legítimo Camaro Yenko S/C à venda!

Dalmo Hernandes

KITT às avessas: este Pontiac Trans-Am Daytona 500 Pace Car esta à venda no Brasil!

Dalmo Hernandes

Esta Chevrolet Malibu SW é uma legítima barca americana à venda no Brasil

Dalmo Hernandes