A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

Esta Dodge Ram 1500 com motor V8 Magnum está à venda

Em meio às mudanças que a indústria automobilística trouxe nos últimos anos, como a adoção em massa do downsizing, a popularização da tecnologia híbrida, e a onda cada vez maior de carros elétricos, é natural que muitos entusiastas procurem um carro à moda antiga enquanto ainda podem. É uma questão de preservar na garagem um pouco do que se tinha antigamente – motores grandes, potentes, naturalmente aspirados, com bastante torque em baixa e um ronco matador. Se for para apostar, diríamos que o apelo dos carros antigos, orgânicos e analógicos, ficará ainda maior à medida em que os carros novos forem ficando mais limpos, silenciosos e autônomos.

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Plano de assinatura com todos os benefícios: acesso livre a todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site, download de materiais exclusivos, participação em sorteios e no grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!), além de veiculação de até 7 carros no FlatOuters e até 3 anúncios no site GT40, bem como descontos em oficinas e lojas parceiras*!

R$20,00 / mês

*Benefícios sujeitos ao único e exclusivo critério do FlatOut, bem como a eventual disponibilidade do parceiro. Todo e qualquer benefício poderá ser alterado ou extinto, sem que seja necessário qualquer aviso prévio.

CLÁSSICO

Plano de assinatura na medida para quem quer acessar livremente todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site1, além de veiculação de até 3 carros no FlatOuters e um anúncio no site GT402.

De R$14,90

por R$9,90 / mês

1Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em oficinas ou lojas parceiras.
2A quantidade de carros veiculados poderá ser alterada a qualquer momento pelo FlatOut, ao seu único e exclusivo critério.

É bem possível que este processo leve mais tempo no Brasil, considerando a situação do nosso mercado, o tamanho de nosso território e a infraestrutura disponível. Mas talvez você já queira garantir seu V8 à moda antiga na garagem. Se este for o caso, esta Dodge Ram 1500 1994 anunciada no GT40 pode ser uma boa candidata.

Assim que as importações foram abertas no Brasil, em 1990, empresas independentes começaram a trazer a primeira geração da Dodge Ram para o Brasil. Mas foi só a partir de 1994, com o lançamento da segunda geração, que ela começou a ser vendida por aqui de forma oficial.

Projetada pelo designer Philip Payne, a Ram de segunda geração tinha uma dianteira bem característica, com para-lamas mais baixos que o capô e uma enorme grade dianteira – estilo inspirado pelos grandes caminhões norte-americanos. A princípio o estilo dividiu opiniões entre os executivos da Dodge mas, no fim das contas, provou-se muito popular entre os fãs da marca – e até hoje a Ram (que não é mais Dodge), carrega a inspiração na segunda geração em sua identidade visual.

No Brasil é possível encontrar a Ram 1500 de segunda com motor V8 Magnum (uma evolução do V8 LA utilizado pelos Dodge brasileiros) de 5,2 litros (318 pol³) ou 5,9 litros (360 pol³). Ambas as versões entregam 233 cv, mas o V8 de 5,9 litros dispõe de mais torque – 45 kgfm de torque no motor 5.9 contra 40,8 mkgf no motor 5.2.

A Dodge Ram 1500 anunciada no GT40 é um exemplar de 1994 com motor V8 de 5,2 litros, acoplado a uma caixa automática de quatro marchas (com alavanca na coluna de direção) e tração traseira. De acordo com seu anunciante, a picape está em muito bom estado de conservação, com estrutura íntegra e sem pontos de corrosão, pintura com boa aparência e apenas alguns pequenos amassados na carroceria, difíceis de enxergar pelas fotos, e de fácil reparo. As rodas de 16 polegadas são de aço estampado, originais da Ram 1500, e receberam pintura preto fosco – elas também trazem alguns sinais de desgaste, mas não têm amassados ou maiores avarias. Elas estão calçadas com pneus Maxxis Bravo A/T seminovos, de medidas 305/70.

O interior da Ram 1500 conta com todos os itens de acabamento no lugar, revestimento de couro original nos bancos e rádio com CD-player e equalizador funcionando perfeitamente, assim como o sistema de ar-condicionado e os ajustes elétricos para assento do motorista no banco inteiriço de três lugares.

O anunciante diz que, com 37.000 milhas (o equivalente quase 60.000 km) marcadas no hodômetro, o conjunto mecânico da Ram 1500 está em perfeitas condições – e o V8 Magnum tem a vantagem de trazer o mesmo desenho básico do V8 LA no bloco, mas com cabeçotes de fluxo bem superior. Da mesma forma, suspensão e freios estão em bom estado e funcionam a contento. É claro que, considerando se tratar de uma picape com quase 30 anos de fabricação, esta Ram 150 merece uma boa revisão após a compra.

Embora não tenha tração 4×4 ou câmbio manual, esta picape americana pode ser um ponto de partida interessante para um projeto, ou mesmo ser mantida exatamente como está – talvez com uma restauração para deixá-la totalmente impecável. E, pelo valor pedido, dificilmente você vai encontrar outro veículo com um clássico V8 americano de comando no bloco à venda.

Se você ficou interessado, pode clicar aqui para acessar o anúncio e pegar os contatos do vendedor.


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! no qual selecionamos e comentamos anúncios do GT40.com.br de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios nem pelas negociações decorrentes – todos os detalhes devem ser apurados atenciosamente com o anunciante!

Matérias relacionadas

Este raríssimo Audi RS6 sedã Amarelo Imola está à venda no Brasil

Dalmo Hernandes

Este Passat TS 1977 teve apenas dois donos, está impecável e agora pode ser seu

Dalmo Hernandes

Esta Honda CB450 Nelson Piquet foi autografada pelo tricampeão – e pode ser sua!

Dalmo Hernandes