A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos Zero a 300

Este Chevrolet Impala 1969 com motor V8 e câmbio manual na coluna está à venda

Quando se menciona muscle cars, geralmente a imagem que se forma em nossa mente é a de um cupê fabricado entre meados dos anos 1960 e o início dos anos 1970, com motor V8, tração traseira e uma bela carroceria – geralmente com o famoso perfil “garrafa de coca-cola”, com a linha de cintura ascendendo na base das janelas posteriores e descendo novamente em direção à extremidade traseira. Mas… seu muscle car também pode ser um sedã, como nosso Achado meio Perdido de hoje, anunciado no GT40.

Sim, a definição clássica de muscle car é a de um cupê norte-americano com motor V8 e personalidade esportiva, mas com o tempo o termo passou a ser utilizado com licença poética para outros tipos de automóveis. Você já deve ter visto, por exemplo, o Mercedes-Benz C63 AMG da geração passada sendo chamado de “muscle car alemão” – título merecido, afinal ele era movido por um V8 naturalmente aspirado de 6,2 litros e até 517 cv, no caso da versão Black Series. Pois o nosso Achado meio Perdido de hoje é um muscle car de quatro portas – um Chevrolet Impala sedã 1969 com motor V8 e câmbio manual na coluna.

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Plano de assinatura com todos os benefícios: acesso livre a todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site, download de materiais exclusivos, participação em sorteios e no grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!), além de veiculação de até 7 carros no FlatOuters e até 3 anúncios no site GT40, bem como descontos em oficinas e lojas parceiras*!

R$20,00 / mês

*Benefícios sujeitos ao único e exclusivo critério do FlatOut, bem como a eventual disponibilidade do parceiro. Todo e qualquer benefício poderá ser alterado ou extinto, sem que seja necessário qualquer aviso prévio.

CLÁSSICO

Plano de assinatura na medida para quem quer acessar livremente todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site1, além de veiculação de até 3 carros no FlatOuters e um anúncio no site GT402.

De R$14,90

por R$9,90 / mês

1Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em oficinas ou lojas parceiras.
2A quantidade de carros veiculados poderá ser alterada a qualquer momento pelo FlatOut, ao seu único e exclusivo critério.

A visão de um Chevrolet Impala clássico na cor preta evoca maldade instantaneamente – que o digam os fãs de Sam e Dean, de Supernatural, que já está em sua 14ª temporada desde a estreia em 2005. O carro deles é um Impala 1967, ou seja, pertence à quarta geração do modelo, fabricada entre 1965 e 1970. O modelo 1967 é identificável pela dianteira baixa, com quatro faróis redondos e setas “falsas” nas extremidades da grade – as verdadeiras ficam no para-choque, que é uma peça separada. O modelo de 1968 não é muito diferente – a maior mudança é o formato do para-choque, que ficou mais parrudo e ganhou uma segunda entrada de ar embutida.

autowp.ru_chevrolet_impala_4-door_hardtop_1 autowp.ru_chevrolet_impala_ss_427_convertible_1

Já o Chevrolet Impala 1969 trouxe uma mudança mais radical na dianteira: o para-choque passou a ser uma espécie de moldura inteiriça, circundando todo o perímetro da dianteira. Grade e faróis ficam no meio, assim como a gravatinha azul da Chevrolet, que foi omitida em 1967 e, em 1968, ficava no capô. As setas permaneceram no mesmo lugar, porém não faziam parte do para-choque. Os modelos de 1967 e 1968 são os mais cultuados pelos fãs do Impala, mas sem dúvida o modelo 1969 tem seu charme.

 

46777687_736342460066491_4075933503026364416_n

O carro anunciado no GT40 pertence a Denis Melo, de Guarulhos/SP, e trata-se de um projeto com modificações simples e de bom gosto – sob medida para quem gosta de uma personalização leve, que não altere a essência de um clássico. O carro veio originalmente equipado com um V8 small block 327 da Chevrolet, de 5,4 litros e 238 cv, e câmbio manual de três marchas na coluna – um conjunto gloriosamente americano, diga-se. E isto foi preservado.

46786426_736342323399838_2978608941316964352_n 46821440_736342140066523_8025143171350528000_n

O carro passou por uma restauração e leves modificações para ficar confiável e trazer seu desempenho para um padrão mais moderno, mas continua sendo um clássico norte-americano com motor V8 carburado e câmbio de três marchas na coluna. O motor de cinco litros (307 pol³) está com um carburador Quadrijet e distribuidor Hei, com coletores dimensionados e sistema de escape novo. Denis está tocando o projeto há cerca de três anos, e trouxe diversas peças dos EUA.

O Impala de Denis teve a pintura refeita e o revestimento interno – bancos, carpete, teto e porta-malas – restaurado no padrão de fábrica. A maioria dos emblemas e frisos cromados também é nova. As únicas modificações estéticas no carro são a suspensão preparada, mais baixa que a original, e as rodas de 18 polegadas American Thrust, inspiradas nas clássicas Torq Thrust. Por dentro, o toque especial fica pela preservação da forrações originais das portas, com seus detalhes que imitam madeira, e um volante com aro de madeira na mesma tonalidade.

46889429_736342740066463_3694766189277347840_n 46888134_736342760066461_5839885900162531328_n

O motor do Impala está revisado, com velas, cabos, bomba d’água e mangueiras novas. Além disso, recebeu tampas de válvula usinadas que imitam o estilo do V8 big block Chevrolet 572. Os freios receberam hidrovácuo, cilindro mestre, discos e pastilhas novos. Também foi instalado um novo alternador, e o sistema de ar-condicionado do carro – original de fábrica – foi todo revisado, incluindo a instalação de um novo compressor, e está gelando perfeitamente.

img_380056_4_daad643b-cec7-409c-b906-e0d7a6031b3a

Denis afirma que o carro está com toda a documentação em dia, regularizada, e que estuda a possibilidade de uma troca. O preço do Impala está bem interessante, considerando os serviços realizados recentemente e o fato de ser uma autêntica banheira americana (no melhor sentido possível) no Brasil.

Ficou interessado? Basta clicar aqui para acessar o anúncio e pegar os contatos do proprietário.

inbanner-fim-post


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! no qual selecionamos e comentamos anúncios do GT40.com.br de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios nem pelas negociações decorrentes – todos os detalhes devem ser apurados atenciosamente com o anunciante!

Matérias relacionadas

O dicionário Inglês-Português de termos automobilísticos do FlatOut – Parte 2 de 3

Leonardo Contesini

WRC BR: quando o Campeonato Mundial de Rali veio para o Brasil

Dalmo Hernandes

BMW M3 Fire Orange bate em BH, avião atropela paraquedista no ar, os favoritos de Massa no Mundial e mais!

Leonardo Contesini