A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

Este Corsa Wind 2.0 pronto para track days está à venda

O velho dilema de quem quer um projeto de track day: montar ou comprar pronto? A primeira opção é sempre interessante – escolher o modelo do seu gosto, definir todos os detalhes e ver o carro tomando forma é uma sensação deliciosa. Mas quem não tem muita experiência e não quer passar pelas inevitáveis dores de cabeça talvez queira considerar um carro já montado e acertado – ainda mais se um swap está nos planos.

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Plano de assinatura com todos os benefícios: acesso livre a todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site, download de materiais exclusivos, participação em sorteios e no grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!), além de veiculação de até 7 carros no FlatOuters e até 3 anúncios no site GT40, bem como descontos em oficinas e lojas parceiras*!

R$20,00 / mês

*Benefícios sujeitos ao único e exclusivo critério do FlatOut, bem como a eventual disponibilidade do parceiro. Todo e qualquer benefício poderá ser alterado ou extinto, sem que seja necessário qualquer aviso prévio.

CLÁSSICO

 

Plano de assinatura na medida para quem quer acessar livremente todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site1, além de veiculação de até 3 carros no FlatOuters e um anúncio no site GT402.

De R$14,90

por R$9,90 / mês

1Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em oficinas ou lojas parceiras.
2A quantidade de carros veiculados poderá ser alterada a qualquer momento pelo FlatOut, ao seu único e exclusivo critério.

Se você está pendendo mais para a segunda opção, temos um Achado meio Perdido que pode ser o seu número: este Corsa Wind com motor 2.0 de Astra, suspensão preparada e outros upgrades para acompanhar. Ele está anunciado no GT40, como de costume, e você confere os detalhes a seguir.

O Corsa é uma base interessante para track day: compacto, de entre-eixos curto (2,44 m) e com apenas 870 kg, ele é do tipo que não se faz mais hoje em dia. Mesmo totalmente stock ele já é um carro divertido em uma condução mais animada – e ainda lida muito bem com swaps para motores dentro da família GM.

No caso do nosso Achado, trata-se de um exemplar fabricado em 2001, já com o facelift do ano anterior, que deu a ele novos para-choques e lanternas traseiras. Mas, em vez do motor 1.0 “Famíla I”, ele recebeu o 2.0 8v da “Família II” – que estreou no Brasil na década de 1980, com o Chevrolet Monza, e é conhecido por sua robustez e manutenção simples.

O carro pertence a Celso, de Porto Alegre (RS). Ele conta que o motor estava em carro de desmanche, funcionando perfeitamente, e acompanha nota fiscal.

Celso diz que o motor, no momento da compra, tinha 70.000 km rodados. Foram trocados  bronzinas, aléis e juntas – e o motor também recebeu uma preparação leve.

Originalmente com 116 cv e 17,3 kgfm de torque, o motor do Corsa recebeu algumas melhorias para ganhar mais força. O cabeçote teve o fluxo retrabalhado e recebeu um comando de válvulas da Carlini, com 284° nas válvulas de admissão e 302° nas válvulas de escape. As próprias válvulas receberam moals com mais carga, e a polia do comando é regulável. A taxa de compressão foi aumentada para 14:1, para usar apenas etanol. A injeção é uma FuelTech FT500, com mapeamento feito sob medida.

O motor também recebeu um novo sistema de escape com coletor 4×1 da Satti, de Porto Alegre, além de defletores de óleo no cárter (o que torna a pressão do óleo mais estável nas curvas, beneficiando a lubrificação do motor). O resultado das modificações: 145 cv a 6.400 rpm e 17,9 kgfm de torque a 3.700 rpm nas rodas.

Para acompanhar o novo motor, o Corsa teve o pinhão original do câmbio trocado pelo pinhão do Astra, alongando um pouco as relações das marchas. Além disso, os varões foram trocadas por cabos, a fim de garantir engates mais precisos e confortáveis.

A suspensão recebeu molas e amortecedores preparados, ficando mais baixa e firme, e também tem barras estabilizadoras na dianteira e na traseira. Já os freios ganharam discos da PowerBrakes na dianteira, de 256 mm. As rodas são de 14 polegadas, vindas do Corsa Millenium, calçadas com pneus Dunlop (veja na foto abaixo).

Celso observa que o carro tem ar-condicionado, e que tanto o motor 1.0 original quanto o pinhão do câmbio acompanham o carro. E garante que tudo nele está na mais perfeita ordem, com manutenção e revisões em dia – tanto que o carro já participou de diversos track days em circuitos como Tarumã, Velopark, Guaporé e Santa Cruz, e sempre foi e voltou rodando sem problema algum.

Se você ficou interessado, pode clicar aqui para acessar o anúncio e entrar e pegar os contatos do proprietário.


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! no qual selecionamos e comentamos anúncios do GT40.com.br de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios nem pelas negociações decorrentes – todos os detalhes devem ser apurados atenciosamente com o anunciante!

Matérias relacionadas

Procurando um novo clássico? Este Monza S/R pode ser seu por R$ 16 mil

Dalmo Hernandes

Este Kadett 2.4 está prontinho para track days e para as ruas – e está à venda, claro

Dalmo Hernandes

Este Volkswagen Santana Sport está à venda – e pode ser seu próximo project car

Dalmo Hernandes