A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

Este não é um Fusca qualquer – é um Beetle americano fabricado na Alemanha e à venda no Brasil

“Como um Fusca pode ser um Achado meio Perdido, FlatOut?”, você pode se perguntar. “Há milhares deles à venda no Brasil!” De fato, caro leitor, o Fusca é um dos carros mais fáceis de se encontrar à venda. Mas quantos destes foram fabricados na Alemanha para o mercado americano e importados para o Brasil? É provável que você nunca tenha visto nenhum – e é exatamente o caso deste aqui, que encontramos à venda no Brasil. Pode ser a sua chance de comprar um Fusca exclusivo!

Estamos falando de um Fusca fabricado na Alemanha para o mercado americano. O Fusca começou a ser vendido nos EUA em 1949, com as primeiras unidades sendo importadas pelo empresário holandês Ben Pon, um dos primeiros importadores oficiais da VW  (e também considerado o “projetista” da Kombi, desenhando um rascunho e entregando aos engenheiros de Wolfsburg).

fusca-usa (3)

Como no resto do mundo, os americanos não demoraram a serem conquistados pelo visual carismático do carrinho e sua mecânica simples e robusta, tornando-se, ao lado da Kombi, o carro símbolo da geração hippie da década de 1960.

Diferentemente do que aconteceu no Brasil, o Fusca jamais foi produzido nos EUA, sendo importado diretamente da Alemanha e passando por algumas adaptações para adequar-se à legislação e às exigências do público americano. Sendo assim, ao longo dos anos ele foi ganhando alguns detalhes que diferiam dos carros vendidos na Europa, como para-choques maiores (e, a partir de 1974, retráteis), setas maiores e, na década de 70, motor de 1600 cm³ com carburação simples em vez de dupla, como era a norma em várias partes do mundo (em alguns modelos brasileiros, inclusive).

O Fusca americano também acompanhou a evolução do projeto na Alemanha. Quando o Fusca ganhou a versão Super Beetle em 1970, os americanos também receberam o modelo com algumas novidades importantes.

2

O Super Beetle, também conhecido como 1302, tinha uma diferença fundamental em relação ao modelo normal, ou “Standard”: a suspensão dianteira foi totalmente remodelada, e os braços arrastados deram lugar a um moderno sistema independente do tipo McPherson, com molas helicoidais e amortecedores telescópicos.

fusca-usa (6)

O novo sistema era bem mais compacto e melhorava bastante o comportamento dinâmico do Fusca, além de permitir que o porta-malas dianteiro fosse mais profundo e levasse o dobro da carga — sendo assim, o estepe era posicionado na horizontal. O carro também tinha entre-eixos 20 mm mais longo, mas a suspensão permitia um raio de giro menor e mais facilidade para manobrar.

O carro que encontramos à venda no Mercado Livre é exatamente um Super Beetle 1970, modelo 1971. Entramos em contato com o proprietário, que contou um pouco sobre a origem do carro. Segundo ele, o Fusca foi comprado nos em Tampa, na Flórida, e importado de forma independente para o Brasil há cerca de quatro anos. O carro pertencia a um amigo do atual dono e estava bastante íntegro e pouco rodado, mas merecia uma restauração.

fusca-usa (1)

Foi o que o dono fez, realizando o serviço completo de funilaria e pintura no carro e uma extensa revisão mecânica, elétrica e no sistema de suspensão que, de acordo com ele, estão “muito bons”. No mais, o carro é quase 100% original, o que garantiu a concessão da placa preta (com as iniciais personalizadas “EUA”).

E quanto o dono pede por ele? R$ 60 mil — valor que pode até ser considerado alto por um Fusca, mas há de se levar em consideração que há modelos brasileiros em estado de conservação semelhante e pouco rodados (o hodômetro deste marca 32.500 milhas, ou 52.000 km) sendo oferecidos por valores igualmente altos. Sendo um Fusca importado, acreditamos que este carro tenha um público bastante específico e disposto a pagar esta quantia por um exemplar tão raro no Brasil. O que você acha?

[ Mercado Livre ]


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! na qual selecionamos e comentamos anúncios de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de uma reportagem aprofundada e não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios – todos os detalhes devem ser apurados com o anunciante.

Matérias relacionadas

Um Troller T4 de competição com pintura Martini Racing e 300 cv à venda

Dalmo Hernandes

Este raríssimo Chevrolet Chevette País Tropical está à venda!

Dalmo Hernandes

Quer um V8 brasileiro? Este Dodge Dart 1979 está à venda

Dalmo Hernandes