A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História Projetos Gringos Zero a 300

Honda City Turbo: o hot hatch japonês que vinha com uma scooter no porta-malas

O que é um Honda City para você? Aqui no Brasil, o City é um Fit transformado em sedã (basicamente um Civic menor), e não é o primeiro carro que que um entusiasta procura quando quer dirigir um carro divertido. No Japão dos anos 80, porém, o City era um carro legal de verdade. Ao menos na versão Turbo, feita especialmente para quem queria um hatchbacks pequenocom pegada esportiva e visual simpático. Olha só para ele: não dá vontade de entrar e sair acelerando? A primeira geração do City foi lançada em 1981 como uma alternativa aos kei cars da Honda – era um carro para quem queria a praticidade de um kei no dia-a-dia, mas não curtia muito a ideia de ter um motor limitado a 60 cv e queria um pouco mais de espaço interno. Seu motor de 1,2 litro (1.231 cm³) com comando no cabeçote entregava 67 cv na versão naturalmente aspirada. Na época do lançamento, o City era o menor carro "não-kei" da Honda, e também era muito leve, com ce

Matérias relacionadas

Este DKW tem um motor V8 Audi de 4,2 litros e 280 cv atrás dos bancos – e é simplesmente genial

Dalmo Hernandes

Inspeção veicular em todo o Brasil até 2019, Maserati pode voltar à F1, Tesla roubando clientes Porsche e mais!

Leonardo Contesini

FXX K Evo: como a Ferrari conseguiu deixar seu carro de 1.050 cv ainda mais extremo?

Dalmo Hernandes