A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

Seis cilindros e tração traseira: uma BMW 325i Touring para chamar de sua?

Há pouco terminamos de contar aqui no FlatOut a história das peruas brasileiras, falando sobre como elas foram de figura carimbada a raridade no nosso mercado, até seu inevitável desaparecimento. Talvez você tenha ficado triste, mas também tenha ficado inspirado a descolar uma station wagon para colocar na garagem. E, bem, você não precisa ficar limitado às nacionais – especialmente quando o mercado traz algumas opções importadas bem interessantes. E que cabem no bolso.

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Plano de assinatura com todos os benefícios: acesso livre a todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site, download de materiais exclusivos, participação em sorteios e no grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!), além de veiculação de até 7 carros no FlatOuters e até 3 anúncios no site GT40, bem como descontos em oficinas e lojas parceiras*!

R$20,00 / mês

*Benefícios sujeitos ao único e exclusivo critério do FlatOut, bem como a eventual disponibilidade do parceiro. Todo e qualquer benefício poderá ser alterado ou extinto, sem que seja necessário qualquer aviso prévio.

CLÁSSICO

 

Plano de assinatura na medida para quem quer acessar livremente todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site1, além de veiculação de até 3 carros no FlatOuters e um anúncio no site GT402.

De R$14,90

por R$9,90 / mês

1Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em oficinas ou lojas parceiras.
2A quantidade de carros veiculados poderá ser alterada a qualquer momento pelo FlatOut, ao seu único e exclusivo critério.

Um exemplo? Nosso Achado meio Perdido de hoje: uma 325i Touring da geração E90, anunciada no GT40. Ou melhor, E91, que é o código da versão perua.

A quinta geração do BMW Série 3 trouxe uma mudança radical em estilo, refletindo a época – meados dos anos 2000, visto que o E90 foi lançado em 2004 e produzido até 2013. As formas eram mais arredontadas e “infladas”, e o interior ganhou recursos tecnológicos para conforto, conveniência e segurança. Sem falar que o BMW M3 desta geração, pela primeira e única vez (até agora), era movido por um motor V8 naturalmente aspirado de quatro litros.

 

Na época do lançamento, o BMW 325i – a porta de entrada para as versões de seis cilindros – era equipado com o motor N52B25, seis-em-linha de 2,5 litros (2.497 cm³), com bloco e cabeçote de alumínio (na verdade o bloco usava uma liga de magnésio e alumínio), 218 cv a 6.500 rpm e 25,5 kgfm de torque, moderados por uma caixa automática de seis marchas. Era o suficiente para ir de zero a 100 km/h em menos de oito segundos, com máxima de cerca de 240 km/h. Já dava para se divertir, especialmente com a tração traseira e com a suspensão independente nas quatro rodas – MacPherson na frente e eixo multilink atrás.

 

O carro anunciado no GT40 pertence a Yahn, de Santana de Parnaíba/SP. A quilometragem não é baixa – cerca de 152.000 km, de acordo com o anunciante. Mas, considerando que carros foram feitos para rodar, isto talvez não seja um problema. Yahn diz que uma revisão completa foi feita recentemente, incluindo troca de fluidos e filtros, manutenção no sistema de suspensão, no ar-condicionado, no motor e no câmbio.

Além disso, ele cita uma boa quantidade de acessórios, alguns estéticos e outros funcionais. Entre eles, sistema de admissão AFE Power, molas Eibach alemãs, central multimídia, flexíveis de freio em Aeroquip, pneus Neova vestindo as rodas de BMW Z3 e volante Motorsport.

Há também um pouco de customização: os elementos cromados externos foram pintados de preto, incluindo a grade dianteira, a iluminação da placa agora é de LED, e as lanternas traseiras receberam lentes fumê. Fora isto, a carroceira foi reparada com martelinho de ouro para eliminar imperfeições adquiridas com o tempo.

Considerando o preço de hatchback compacto zero-quilômetro e o aparente bom estado de conservação, talvez você se interesse pela possibilidade de colocar uma perua alemã de tração traseira na garagem – especialmente quando, comparada aos carros novos que se têm hoje, ela não é apenas acessível, mas também old school. Sem turbocompressores, sem hibridização, all motor.

 

Naturalmente, estamos falando de um importado que, em 2020, completa 15 anos de idade. Prepare-se para conferir rigorosamente todos os detalhes antes da compra, e reserve uma quantia boa para eventuais gastos com manutenção.

Interessado? Clique aqui para acessar o anúncio e pegar os contatos do dono.


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! no qual selecionamos e comentamos anúncios do GT40.com.br de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios nem pelas negociações decorrentes – todos os detalhes devem ser apurados atenciosamente com o anunciante!

Matérias relacionadas

Este Chevrolet Opala Comodoro 1989 só teve dois donos – e você pode ser o próximo!

Dalmo Hernandes

Este BMW Série 1 com motor V8 do M5 e 450 cv está pronto para as pistas – e à venda no Brasil!

Dalmo Hernandes

O último McLaren F1 GTR fabricado está à venda – e com pedigree de corrida

Dalmo Hernandes