A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

V6 aspirado, tração traseira, câmbio manual: que tal levar um Nissan 300ZX para casa?

O Skyline GT-R é, sem dúvida, o maior e mais lendário esportivo da Nissan, e seu legado está sendo levado a diante com louvor pelo GT-R, que acaba de ser reestilizado, ganhar potência e ficar cor-de-laranja. No entanto, ele não é o único: sabe outro Nissan esportivo que foi lançado há décadas e segue firme e forte na linhagem? O Z.

A gente já falou bastante deles aqui — a primeira geração, por exemplo, é um dos melhores esportivos japoneses dos anos 1960 e 1970 que se pode comprar. A terceira geração é o esportivo dos anos 1990 que você pode comprar se quiser algo diferente de um Skyline (e que vai garantir muito respeito da galera nostálgica). Os modelos mais recentes, 350Z e 370Z, são dois ótimos representantes dos cada vez mais raros modelos esportivos com tração traseira e câmbio manual.

300-zx (4) 300-zx (9)

O achado meio perdido de hoje, no entanto, pertence à  segunda geração — a primeira a receber o nome de 300ZX. De código Z31, o carro foi lançado em 1983 e trouxe consigo as linhas retas e faróis escamoteáveis que se tornaram marcas do design da época. Apesar do estilo bem mais moderno, contudo, a plataforma é a mesma (incluindo o entre-eixos) e a suspensão utiliza o mesmo arranjo do 280ZX, com sistema McPherson na dianteira e braços semi-arrastados na traseira.

300-zx (10)

A verdade é que 300ZX era o nome das versões que utilizavam um motor V6 de três litros (a nomenclatura, como de costume, respeitava o deslocamento dos motores). No caso do Achado Meio Perdido de hoje, que está na loja Universo Marx, em SP, estamos falando da versão naturalmente aspirada. Nela, o motor com bloco de aço e cabeçotes de alumínio (com comando simples e duas válvulas por cilindro) entrega 160 cv a 5.200 rpm e 24 mkgf de torque a 4.300 rpm. O câmbio é manual de cinco marchas, e a força do motor vai para as rodas traseiras. O conjunto é suficiente para levar o carro, que pesa cerca de 1.300 kg, aos 100 km/h em 8,2 segundos, com máxima de 205 km/h. Até que deve ser divertido, não?

300-zx (13)

O 300ZX turbo, por sua vez, entregava 200 cv na versão destinada aos EUA e ao Japão, enquanto os europeus tiveram mais sorte — seu 300ZX Turbo tinha 250 cv. Havia, ainda, modelos com motor V6 e seis-em-linha, ambos de dois litros e turbocompressor.

300-zx (7) 300-zx (6) 300-zx (5)

De qualquer forma, o 300ZX aspirado também é um carro bastante interessante, que compartilha da boa dirigibilidade da primeira geração. O exemplar em questão, fabricado em 1984, foi importado para o Brasil em 2014 e, de acordo com o anunciante, é totalmente original e jamais foi restaurado. O aspecto geral do carro é mesmo muito bom, e há alguns detalhes legais — o interior marrom, os bancos com bastante apoio e o painel digital são a cara dos anos 1980, assim como os já citados faróis escamoteáveis (que, na verdade, ficam só parcialmente escondidos quando não estão em uso).

300-zx (3)300-zx (2)

O carro, que pertence a um colecionador paulista, tem todo o histórico relativo à importação — ele veio para o Brasil em 2014, assim que completou 30 anos de fabricação — e possui toda a documentação em dia. A princípio, todos os sistemas do carro estão em ordem, mas não podemos deixar de recomendar que se olhe os detalhes com carinho.

300-zx (11) 300-zx (12)

Fotos feitas durante o 1º Arena Car Festival, evento de hot rods e clássicos de SP. Veja a galeria completa aqui!

O valor pedido é de R$ 90 mil. Considerando que, lá fora, um exemplar bem cuidado pode custar o equivalente a R$ 20 mil, mais despesas de importação e impostos, este 300ZX pode ser uma boa opção para quem sempre quis um esportivo japonês oitentista — mesmo que este exemplar tenha vindo dos EUA, como denunciam as luzes de direção nas laterais. Ah, e só mais um detalhe que nem todo mundo vai lembrar, mas é curioso: o 300ZX preto era o carro do Jiraiya — o famoso Black Storm. 

jiraiya

Caso tenha se interessado (mesmo que seja pela nostalgia!), você pode entrar em contato pelo email [email protected] ou pelo telefone (11)  99249-3210.

[ Mercado Livre ]


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! na qual selecionamos e comentamos anúncios de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial, tampouco de uma reportagem aprofundada. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios – todos os detalhes devem ser apurados com o anunciante.

Matérias relacionadas

Um raríssimo Lancer Evolution V com 400 cv à venda no Brasil

Dalmo Hernandes

Este Peugeot 406 Coupé com motor V6 e câmbio manual está à venda

Dalmo Hernandes

Esta Chevrolet Malibu SW é uma legítima barca americana à venda no Brasil

Dalmo Hernandes