A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

A morte de Justin Wilson na Indy, multas em 2015 já superam 2014 em SP, Hellcat flagrado no Brasil, Magnus Walker bate seu Porsche e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Justin Wilson morre devido a acidente na IndyCar

untitled-article-1440408397

Nossa corrente de energia positiva infelizmente não ajudou a salvar o piloto Justin Wilson. Atingido pelo bico do carro de Sage Karam, que bateu no muro do circuito Pocono Raceway, no domingo passado, o piloto do carro 25, da equipe Andretti Autosport Honda, não resistiu aos ferimentos e teve sua morte declarada às 21h15 de ontem na Pensilvânia, nos EUA.

Após sofrer o choque, Wilson perdeu imediatamente o controle do carro e bateu em uma barreira de pneus. Levado inconsciente para o hospital Lehigh Valley Health Network Cedar Crest, Wilson não apresentava reação a estímulos, o que era péssimo sinal. O piloto, que foi companheiro de equipe de Bia Figueiredo, tinha apenas 37 anos. Deixa mulher e duas filhas pequenas.

Bia, em seu Facebook, se despediu do amigo: “Dói muito, muito. Não tenho como agradecer por ter tido a oportunidade de ser sua companheira de equipe por 3 anos. Muito amor para a Julia, Stefan e suas duas filhas. Isso é Inacreditável! Te vejo em outra vida, outra pista, meu amigo…” Não tivemos o privilégio de conhecê-lo, mas lamentamos da mesma forma. Hoje o FlatOut! está de luto.

 

Número de multas em 2015 já superam o número total de multas em 2014 na cidade de São Paulo

pistola-radar-g-20120319

Com novos radares, reduções de velocidade e intensificação da fiscalização de trânsito, a Companhia de Engenharia de Tráfego de São Paulo, o Detran e a Polícia Militar já aplicaram 12.116.400 multas no primeiro semestre de 2015. O número é maior que o total de multas durante todo o ano de 2014, quando foram feitas 11.193.136 autuações – número, por sua vez, inferior ao de 2013.

A maior parte das infrações foi registrada pela CET, foram 11,9 milhões de infrações flagradas pelos 808 radares e pelos 1.850 agentes da companhia, os “marronzinhos”. Com isso, o aumento percentual do número de multas deve superar o aumento da frota — algo que não ocorreu de 2013 para 2014 e resultou em uma arrecadação R$ 400 milhões abaixo do orçamento previsto de R$ 1,2 bilhão.

Segundo o portal Uol, que divulgou as estatísticas, o último grande aumento expressivo no número de multas aconteceu em 2011, quando as infrações aumentaram 40% em relação a 2010, acompanhando um crescimento de 20% na frota.

 

Magnus Walker bate seu Porsche 911 277 em Minneapolis

landscape-1440453463-screen-shot-2015-08-24-at-55527-pm

Ontem também não foi um dia legal para Magnus Walker. Em Minneapolis para promover a abertura de uma concessionária Porsche na cidade, ele acabou batendo seu famoso Porsche 911, com a inscrição 277 na lateral, deviando de um Mercedes-Benz clássico. Para não bater no antigo, Walker jogou seu carro contra um caminhão-prancha e bateu bem em sua porta e na traseira esquerda de seu 911. Se estivesse mais rápido, Walker poderia ter se machucado seriamente.

De bom humor, o britânico radicado em Los Angeles ainda fez piada. Disse em seu Instagram que o dia não havia sido de todo ruim depois de dar sua primeira voltinha em um GT3R.

 

Dodge Challenger Hell Cat é flagrado em testes no Brasil

Dodge-Challenger-Hellcat1-740x419

Os amigos do site Novidades Automotivas conseguiram flagrar um gato do inferno rodando pela rua do Ouro, em Belo Horizonte, como nos avisou o leitor Vitor Lomeu. Com placas verdes e, segundo o site, de Betim/MG, cidade onde a FCA tem a fábrica da Fiat no Brasil. Isso seria indicativo que o Challenger HellCat está em testes oficiais por aqui. Seu motor, um V8 6.2 Hemi com compressor mecânico, rende 717 cv.

Pode ser um prenúncio de importação? Bem que poderia, mas também pode ser apenas uma avaliação de engenharia. De todo modo, fica a torcida para que a empresa resolva importar o modelo oficialmente, ainda que em poucas unidades e a preços fora do alcance dos meros mortais. Já será bem legal vê-los espreitando nossas ruas.

 

Chevrolet Cobalt é flagrado por leitor em São Vicente

FullSizeRender

Nossos leitores segredeiros continuam a nos dar contribuições preciosas, como fez Bruno Cipriano. Ele fotografou o novo Chevrolet Cobalt, ainda bastante camuflado, mas já dando a letra do que deve mudar: os conjuntos ópticos.

IMG_4122

Tanto os faróis quanto as laternas ficarão mais afilados. As lanternas traseiras devem ganhar elementos de LED, com um grafismo que o disfarce não conseguiu esconder. Podemos esperar também por melhoramentos no interior. Bom seria se a reestilização do carro viesse com a adoção de ganchos Isofix, pela vocação familiar do sedã. Se você estava pensando em comprar um Cobalt, segure a onda e espere pelo novo. Ou peça um descontaço no modelo atual. Também não se esqueça de agradecer ao Bruno por confirmar os rumores de reestilização do carro com o registro que fez.

 

O que faz um Hyundai Accent no Brasil? Com placas verdes?

20150825063913

Outro flagra importante foi feito em casa. Juliano Barata conseguiu fotografar o Hyundai Accent que você vê nas imagens abaixo hoje pela manhã. Com placas verdes, de fabricante. Mas o que faz um Accent por aqui?

Em primeiro lugar, note a placa. Ela é de São Bernardo do Campo, uma indicação de que não foi importada pela Hyundai, mas sim pela concorrência. Apostamos na Volkswagen, mas também pode ter sido trazido pela Ford. As duas estão de olho não nele, mas na evolução que ele pode trazer para a segunda geração do HB20S.

Com 7 cm a mais de entre-eixos, batendo em 2,57 m, e 14 cm a mais de comprimento, com um total de 4,37 m, o Accent é equipado com motores 1.4, o mesmo do Kia Rio, e 1.6, o mesmo do HB20S. Que deve, sim, ficar maior e mais sofisticado em sua segunda fornada. Como ninguém quer ser surpreendido, todo mundo já está se antecipando ao que a Hyundai pode fazer. O Accent pode dar boas pistas do futuro.

 

Anote na agenda: dia 05/09 tem track day no Velo Città

21

Se você é um cara competitivo, eis uma oportunidade de correr antes mesmo de pegar no volante. No dia 05/09 o pessoal da Crazy for Auto vai organizar um track day no Velo Città que terá apenas 40 vagas. Cada inscrição dá direito a um carro, um piloto e um carona para participar de duas baterias. Cada uma delas terá duração de 1h15, o que totaliza 2h30 de pista aberta para todos os participantes.

Assim como em 2014, este track day está inserido na programação da corrida dos 500 km de São Paulo, da qual só podem participar convidados para o evento e inscritos neste track day. Veja o evento do ano passado no vídeo abaixo:
fhbscl-V1Tk
O valor da inscrição antecipada para o terceiro lote está em R$ 850. Piloto adicional por carro custa R$ 400 e cada carona adicional ou convidado exige a cobrança de R$ 100 por cabeça. Outro reparo importante é que este evento faz parte do Track Day Cup de 2015, que dá troféus de participação aos três melhores colocados nas categorias tração dianteira, traseira e integral.

As inscrições antecipadas duram enquanto houver vagas. Garanta-se preenchenco o formulário disponível no site www.crazyforauto.com/#!track-days/c1r6c ou enviando um e-mail para [email protected]

Matérias relacionadas

REC Watches, a empresa que transforma carros clássicos de ferro-velho em relógios de pulso

Dalmo Hernandes

Porsche Taycan revelado, novo Hyundai HB20 revelado em hotsite, os carros mais vendidos em agosto/19 e mais!

Pare o que estiver fazendo e ouça o ronco do motor aircooled de 500 cv Singer-Williams

Dalmo Hernandes