A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

A volta da McLaren Gulf, Panamera pode recuperar recorde em Nürburgring, o fim do Pajero Full e mais!

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco.

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

McLaren anuncia parceria com Gulf Oil

A McLaren anunciou nesta terça-feira (28) um novo acordo com uma velha parceira sua, a Gulf Oil, tanto para os carros de rua quanto para a equipe de Fórmula 1. A extensão do acordo não foi divulgada, mas será mantida por ao menos três anos, considerando que a McLaren fala em “multiple years” em seu comunicado oficial.

As duas marcas têm uma longa história juntas, iniciada em 1968, logo nos primeiros anos da equipe fundada por Bruce McLaren. A parceria ficou mais famosa durante os anos 1990, quando o McLaren F1 GTR vestiu a combinação azul e laranja.

O novo contrato começa já neste próximo fim de semana, quando a equipe de F1 irá estampar em seus carros e uniformes as cores e a marca da petrolífera. A partir de 2021, e a Gulf irá fornecer lubrificantes e combustíveis para todos os modelos da marca. Além disso, os eventos para clientes, o merchandising oficial e material de comunicação irão todos exibir a marca da parceira.

Além disso, embora a McLaren não tenha pronunciado nada a respeito, o 720S da foto deixa claro que teremos modelos de rua inspirados na tradicional pintura azul e laranja da Gulf Oil — quem sabe até uma versão especial do Senna GTR, ou mesmo um retorno a Le Mans, não? (Leo Contesini)

 

Mercedes anuncia nova Classe T – modelo chega em 2022

 

A Mercedes nunca se deu muito bem com suas minivans, mas pelo jeito isso não está a impedindo de tentar. A marca publicou nesta quarta feira o primeiro teaser da nova Classe T, que, apesar de ter apenas a silhueta do modelo, deixa claro que se trata de uma minivan.

Ela não segue nenhuma linhagem de minivans criadas anteriormente pela Mercedes. A primeira delas, a Vaneo, era uma derivação do Classe A de primeira geração, com porte semelhante ao do Citroën Berlingo, e a segunda era a Classe R, uma minivan construída sobre a base mecânica da Classe ML (atual GLE). Esta atual Classe T será uma minivan com porte intermediário se comparada às antecessoras, algo semelhante à Peugeot Rifter (abaixo), pouca coisa maior que a Chevrolet Spin.

O modelo está sendo desenvolvido em parceria com a aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, e terá portas laterais deslizantes e acabamento seguindo o padrão da Mercedes-Benz. Ao que tudo indica, a nova Classe T será uma variação germanizada da nova geração do Renault Kangoo, prevista para 2021. (Leo Contesini)

 

Porsche Panamera “Lion” pode ter quebrado recorde de sedãs em Nürburgring

A Porsche pode ter recuperado o recorde de sedãs em Nürburgring com um protótipo do Panamera “Lion”. Não sabe o que é esse Porsche com nome de Thundercat? Trata-se de uma versão aliviada e mais potente (e não-confirmada) do Panamera Turbo. Segundo o pessoal do Motor1.com, este super Panamera completou a volta no Green Hell em 7 minutos e 11 segundos — um número muito impressionante para um carro com quase três metros de entre-eixos e mais de cinco metros de comprimento.

O número também é 12 segundos mais baixo que o tempo do atual recordista entre os sedãs, o Jaguar XE Project 8, que completou a volta em 7:23,164 em 2019. A faixa dos 7:11 atualmente é ocupada por supercarros da estirpe do Lexus LF-A, Porsche 991 GT3, AMG GT R e Viper ACR (2010).

As fotos reveladas pelo CarPix não mostram muita diferença deste protótipo em relação ao Turbo convencional. É possível ver radiadores nas aberturas do para-choques dianteiro, rodas de 21 polegadas e freios com pinças amarelas, usadas pelo sistema de freios de carbono-cerâmica da Porsche. Segundo a imprensa europeia, o Panamera Lion terá 750 cv produzidos pelo V8 biturbo de 4 litros e 250 kg a menos que o Turbo convencional, o que o coloca na faixa dos 1.800 kg. (Leo Contesini)

 

Mitsubishi deve matar Pajero Full e sucessor não está nos planos

Mais um modelo icônico da Mitsubishi está perto do fim: o Pajero Full, tradicional utilitário raiz da marca. Em abril a fabricante anunciou o Pajero Full Final Edition no Japão, despedindo-se de sua terra natal depois de 37 anos.

Na ocasião, a Mitsubishi disse que o Pajero continuaria sendo oferecido nos demais mercados. Mas parece que isto também vai mudar em breve. De acordo com o jornal japonês Nikkei, a fábrica da Mistubishi em Gifu, no Japão será fechada em breve – a unidade teve seu ritmo de produção bastante reduzido nos últimos anos e, agora, é questão de tempo até que suas atividades sejam encerradas de vez. Como o Pajero é produzido lá… você já sabe o que isto quer dizer.

O problema do Pajero Full é seu tamanho – do tipo grande e beberrão, o utilitário já deixou de ser oferecido nos países onde as leis para emissão de poluentes e consumo de combustível são mais severas. Com a demanda reduzida, do ponto de vista econômico faz sentido que o modelo saia de linha.

No momento não se fala em um sucessor – e, de qualquer forma, seu desenvolvimento é improvável. Segundo o Nikkei, a Mitsubishi acredita que o futuro SUVs e crossovers menores e mais econômicos – uma filosofia mais alinhada com o que a aliança Renault-Nissan-Mitsubishi pretende fazer nos próximos anos. Caso decida fazer um novo Pajero Full, diz o jornal, a Mitsubishi deverá levar mais alguns anos para criar do zero uma nova plataforma mais leve, mais moderna e capaz de receber tecnologia híbrida.

A Mitsubishi ainda não confirma a decisão, mas acreditamos que é questão de tempo até que saia um comunicado oficial. E assim, perderemos mais um ícone da marca dos três diamantes – e o fim do Lancer Evolution ainda dói… (Dalmo Hernandes)

 

Peugeot 3008 reestilizado aparece em fotos vazadas

O Peugeot 3008 está perto de ganhar sua primeira reestilização. O crossover adotará a nova identidade visual da Peugeot, que estreou no recém-lançado 208 e também já foi aplicada ao 2008. E, graças a uma publicação no forum-peugeot.com, já temos uma boa ideia de como ele vai ficar.

A dianteira ganhará novos faróis, com contorno mais sofisticado e elementos internos redesenhados, e uma grade maior – com o mesmo efeito tridimensional usado pelo 208, obtido com o uso de pequenas barras metálicas de diferentes tamanhos. Os faróis também receberão colunas de LED que invadem o para-choque, e este terá desenho mais agressivo, com entrada de ar maior. Atrás, a maior mudança ficará por conta das lanternas com novo formato.

O interior mudará pouco, pelo que mostram as imagens: apenas uma central multimídia (bem) maior e novos gráficos para o cluster de instrumentos digital.

A Peugeot não deve mexer muito na configuração mecânica, e o novo 3008 certamente continuará movido por motores turbo 1.2 (130 cv) e 1.6 (181 cv) – fala-se na possível adoção do motor 1.5 turbo de 156 cv já usado no 2008, mas por enquanto isto fica no campo dos rumores. E, naturalmente, as opções híbridas de 225 cv e 300 cv – que usam um motor 1.6 turbo mais dois motores elétricos – continuarão sendo oferecidas.

Por ora não há uma data para a revelação oficial do 3008 reestilizado. A Peugeot teve de adiá-lo por causa da pandemia, mas tudo indica que o crossover mostrará sua nova cara até o final do ano, a tempo de chegar às lojas da Europa no começo de 2021. Não nos surpreenderemos se a Peugeot do Brasil o trouxer poucos meses depois. (Dalmo Hernandes)

 

Maserati Ghibli Trofeo e Quattroporte Trofeo serão revelados em agosto

A Maserati está trabalhando duro na renovação de sua linha, e a próxima novidade será dupla: em 10 de agosto, a fabricante italiana vai apresentar o Ghibli Trofeo e o Quattroporte Trofeo, as variantes mais nervosas de seus sedãs. E, como é padrão, um teaser foi divulgado.

A imagem mostra três modelos. No centro, o SUV Levante, ladeado pelo Ghibli e pelo Quattroporte. O Levante Trofeo, para quem não lembra, usa um V8 biturbo de 3,8 litros emprestado da Ferrari, calibrado para entregar 590 cv – o suficiente para que o Levante Trofeo vá de zero a 100 km/h em menos de quatro segundos.

Teremos de esperar para saber se a Maserati usará o mesmo motor para o Ghibli e o Quattroporte Trofeo. Pode ser que sim, mas pode ser que os italianos usem neles o recém-apresentado V6 Nettuno. O motor, esperado no supercarro MC20, tem potencial para entregar 630 cv. Caso seja adotado pelo sedãs, é provável que ele seja ligeiramente amansado para entregar por volta de 530 cv no Ghibli Trofeo, e 580 cv no Quattroporte Trofeo. (Dalmo Hernandes)

 

Nova Chevrolet S10 tem visual e preços vazados antes do lançamento

A Chevrolet marcou para hoje (28) o lançamento nova S10. A picape recebe sua segunda reestilização, e a apresentação ao vivo no Youtube terá até mesmo um show da dupla Chitãozinho e Xororó. Acontece que os colegas do Autos Segredos já conseguiram, antes da hora, imagens e preços da S10 renovada, e você confere a seguir.

Segundo o site, a nova S10 custará R$ 5.000 a mais, em média, partindo de R$ 125.390 na versão Advantage com motor 2.5. Apenas LTZ e High Country, as versões mais caras, continuarão com os preços atuais.

Em termos de visual, a nova S10 ganha novo para-choque dianteiro e uma grade bem maior, alinhando-se com a identidade visual global dos utilitários da Chevrolet. Na versão de topo High Country, a grade traz a escrita “CHEVROLET” por extenso e a gravatinha dourada do lado direito, mais escondida. As demais trazem o emblema da marca em sua posição tradicional.

Além do novo visual, a S10 2021 passará a contar com mais itens de série. Agora, todas as versões terão seis airbags de série, enquanto LTZ e High Country virão com assistente de frenagem autônoma de emergência e detector de pedestres. A mecânica não sofrerá mudanças: continuarão sendo oferecidos os motores 2.5 flex de 206 cv (com etanol) e 2.8 turbodiesel de 200 cv, sempre com opção de câmbio manual ou automático de seis marchas.

Confira, abaixo, os preços da nova S10:

S10 Advantage 2.5 Ecotec 4×2 (manual): R$ 125.390
S10 LT 2.5 Ecotec (AT6) 4×2: R$ 141.990
S10 LTZ 2.5 Ecotec (AT6) 4×2: R$ 146.790
S10 LTZ 2.5 Ecotec (AT6) 4×4: R$ 156.690
S10 LS 2.8 Diesel 4×4 (manual): R$ 169.200
S10 LT 2.8 Diesel 4×4 (AT6): R$ 187.590
S10 LTZ 2.8 Diesel 4×4 (AT6): R$ 206.190
S10 2.8 High Country 4×4 (AT6): R$ 213.290

(Dalmo Hernandes)

 

Matérias relacionadas

As Ferrari de rua mais curiosas, inusitadas ou bizarras já feitas

Dalmo Hernandes

Bugatti terá um sedã de quatro portas, LaFerrari Spider pode estar a caminho, novo programa de Jeremy Clarkson e cia. já está em produção e mais!

Leonardo Contesini

O fim da Honda CG125, nova picape da Fiat é flagrada em testes, as novidades da Audi para 2019 e mais!

Leonardo Contesini e Dalmo Hernandes