A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Notícias

BMW M140i chega ao Brasil em dezembro com 340 cv por R$ 270.000

A BMW confirmou nesta semana a chegada de seu mais recente hot hatch, o M140i. O modelo havia sido anunciado em maio deste ano e foi lançado em junho na Europa como substituto do atual M135i. Agora, ele chega ao Brasil na versão quatro portas com câmbio automático por R$ 267.950.

bmw_m140i_5-door_10

Embora o visual e a cilindrada continuem iguais aos do M135i, o hatchback justifica a mudança de nome com um novo motor e, claro, mais potência. No lugar do N55 agora está o B58, um seis-em-linha de alumínio pertencente à nova família de motores modulares da BMW. Em relação ao antecessor o B58 desloca 19 cm³ a mais (2.998 vs. 2.979 cm³) e trabalha com um turbo maior, que produz 20% mais pressão, além de um intercooler ar-água integrado à admissão.

bmw_m140i_5-door_5

Com o novo motor, a potência passou de 326 para 340 cv. Embora possa parecer pouco, o novo B58 usa uma série de recursos para consumir menos combustível e emitir menos gases e partículas que o antecessor, como bomba de óleo variável, direção elétrica, sistema start-stop e alternador com capacidade de recuperação de energia. O câmbio continua o mesmo ZF 8HP de oito marchas que equipa o M135i, mas a aceleração de zero a 100 km/h agora é feita em 4,6 segundos, uma redução de 0,3 segundo.

Em relação aos demais modelos da Série 1 o M140i tem suspensão 10 mm mais baixa e usa rodas de 19 polegadas com desenho exclusivo da versão, freios M Sport, direção com relação mais direta e peso variável e conjunto aerodinâmico M Sport. Por dentro, o volante é o mesmo dos demais modelos da divisão M e os bancos vestem couro Dakota.

p90133919_highres

O M140i será apresentado ao público brasileiro na próxima semana, durante o Salão do Automóvel. As vendas começam já em novembro e as primeiras unidades chegam em dezembro.

Matérias relacionadas

Lamborghini Aventador ganhará facelift, mais potência e mais downforce

Leonardo Contesini

Ladrões estão usando softwares para roubar carros com sistema keyless

Leonardo Contesini

Ferrari continuará usando motores V12 aspirados – e sem ajuda elétrica

Leonardo Contesini