A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

BMW M5 Competition chega ao Brasil por mais de R$ 1 milhão, Mini Cooper S ganha nova versão no Brasil, Renault Zoe renovado também desembarca por aqui e mais

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco!

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

BMW M5 Competition é lançado no Brasil por R$ 1.006.950

A BMW anunciou nesta semana a chegada do M5 Competition ao Brasil. A variante mais potente do sedã esportivo vem com o V8 biturbo de 4,4 litros calibrado para entregar 625 cv a 6.000 rpm e 76,5 kgfm de torque – um aumento de 25 cv em relação à versão comum, embora o torque permaneça o mesmo.

É a primeira vez que o M5 Competition é vendido no Brasil. Além do motor mais potente – que, associado ao câmbio automático de oito marchas da ZF mais tração integral xDrive, leva o carro de zero a 100 km/h em 3,3 segundos – ele também tem teto de fibra de carbono, sistema de escape M Sport e modos de pilotagem M1 e M2.

E como, apesar de esportivo, ele ainda é um luxuoso e espaçoso sedã alemão, estão inclusos no pacote o sistema Soft Close, que puxa as portas para fechá-las automaticamente (e suavemente); ar-condicionado automático digital de quatro zona; iluminação ambiente interna; e bancos ; e bancos dianteiros com ajuste elétrico de lombar, ventilação e aquecimento.

O BMW M5 Competition está disponível em oito cores: Branco Alpino, Preto Safira, Cinza Brands Hatch, Cinza Donington, Azul Snapper Rocks, Azul Marina Bay, Azul Bluestone e Vermelho Motegi.

 

Mini Cooper ganha nova versão no Brasil

A Mini também trouxe novidades ao Brasil esta semana: o Mini Cooper reestilizado, que foi apresentado lá fora há poucos meses com uma nova grade, maior e com acabamento parcial na cor da carroceria, detalhes em preto brilhante e novos faróis de LED; e também mudanças no interior, com novos volante e central multimídia.

Em sua estreia no Brasil, o pocket rocket também ganha uma nova versão: a Exclusive, que atua como modelo de entrada por R$ 214.990 com duas portas e R$ 224.990 com quatro portas. As duas vêm com câmera de ré, teto solar panorâmico, cruise control, frenagem automática de emergência, novas rodas de 17 polegadas e central multimídia com tela de oito polegadas e integração com Apple CarPlay. Em segurança, conta com frenagem autônoma de emergência, assistente de permanência em faixa e farol alto automático.

O motor é o mesmo: o 2.0 turbo de 192 cv e 28,5 kgfm de torque, ligado ao câmbio Steptronic de dupla embreagem e sete marchas. É o bastante para ir de zero a 100 km/h em 6,7 segundos.

 

Renault Zoe chega ao Brasil renovado e com mais autonomia

Um dos elétricos disponíveis no Brasil, o Renault Zoe acaba de ser renovado e agora está disponível em duas versões.

Apresentado na Europa em 2020, o facelift traz uma nova dianteira, com grade e para-choque redesenhados e um emblema maior. Além disso, os faróis agora são sempre de LED. Por dentro, há um novo painel digital com tela de 10 polegadas, enquanto a central multimídia recebeu vertical de sete polegadas – e continua usando o sistema EasyLink, que é compatível com Android e iOS.

O que mudou no powertrain foram as baterias: saem as unidades de 41 kWh e entram as de 52 kWh. De acordo com a Renault, elas oferecem autonomia de 385 km – um aumento de 85 km, ou 30%. Com o carregador wallbox em um ponto de recarga 50 kWh, é possível recuperar 90% da autonomia em meia hora, ou em 9 horas e 25 minutos na tomada. O motor elétrico também ficou mais forte, passando de 92 cv e 22,4 kgfm para 136 cv e 24,5 kgfm. É o bastante para ir de zero a 100 km/h em 10 segundos cravados.

A Renault também oferece um novo wallbox de 7 kWh para os donos do Zoe e menor tempo de recarga: em um ponto de recarga rápida de 50 kWh é possível recuperar 90% da carga em 30 minutos. Em uso doméstico, esse tempo sobe para 9 horas e 25 minutos.

Na versão de entrada Zen, o Zoe custa R$ 204.990 e vem com cruise control, ar-condicionado automático, central multimídia, quatro airbags, controle de estabilidade, monitor de pressão dos pneus, sensor de estacionamento traseiro, sensor de chuva, faróis com acendimento automático e luzes de neblina. Já o Zoe Intense, que custa R$ 219.990, acrescenta park assist, reconhecimento de sinais de trânsito, monitoramento de pontos cegos e sensor de estacionamento também na dianteira.

 

“Do Fusquinha ao Fórmula 1”, o novo livro de Jason Vogel, já está disponível

Entre outubro de 1992 e fevereiro de 2021, o jornalista Jason Vogel foi responsável pelo suplemento CarroEtc no jornal O Globo, onde falava sobre tudo (e mais um pouco) relacionado aos automóveis – viagens, testes e crônicas. Agora, o repórter e editor lança uma caprichada seleção de 50 reportagens que escreveu para o caderno. É o livro “Do Fusquinha ao Fórmula 1”, lançado pela Editora Gulliver.

“Meu principal objetivo sempre foi transformar porcas e parafusos em um assunto atraente até para quem jamais tirou habilitação. É um difícil equilíbrio de dar leveza aos textos, sem descuidar do apuro técnico. Graxeiros, afinal, não gostam de que o automóvel seja tratado com superficialidade”, diz Jason.

O livro começa com carros que fizeram história: uma visita não autorizada à última linha de produção do Fusca, no México, uma carona no eterno e apartidário Rolls-Royce da Presidência da República e impressões ao volante de marcos da engenharia automobilística, como o Ford T, o Citroën Traction Avant, o Mercedes-Benz 300 SL “asa de gaivota” e o Trabant, ícone do realismo socialista da Alemanha Oriental.

A segunda parte é dedicada a testes. Para quem realmente ama máquinas e motores, chafurdar num charco com um jipão militar Humvee pode ser tão divertido quanto pilotar, em Interlagos, um McLaren Senna, hiperesportivo de 800cv e US$ 2,2 milhões. São emoções diferentes, mas sempre emoções…

As viagens pelo mundo — na terceira parte do livro — revelam aos leitores peculiaridades mecânicas de diferentes regiões do planeta. Há desde uma visita à garagem-estrebaria do Palácio de Buckingham, em Londres, até uma incursão às profundezas de Rondônia, para conhecer o berço dos jericos motorizados. Entre testes de carros nos lagos gelados da Arjeplog, no Círculo Polar Ártico, e as mobiletes que ainda são febre em Arfoud, no portão do Saara, temos assuntos suficientes para um tratado de antropologia automotiva.

Em seguida vêm personagens que tiveram suas vidas, de alguma forma, ligadas a carros, motos e até bicicletas motorizadas. Carlos Miranda é um deles: ator do seriado “Vigilante Rodoviário”, na década de 60, passou a encarnar seu personagem na vida real a bordo de um Simca Chambord. Há também as histórias de Leon Herzog, judeu que escapou de um gueto na Polônia e veio para o Brasil criar a Leonette, pioneira das motos nacionais. E, ainda, a Família Zapp, que foi crescendo dentro de um Graham-Paige 1928, enquanto dava um giro de 20 anos ao redor do planeta.

Para encerrar, há reportagens sobre os pesados — tema tão vasto que inclui uma viagem de Fenemê pela Rio-Bahia, as derradeiras linhas do Routemaster, o clássico ônibus de dois andares britânico, os velhos bondes cariocas que atualmente rodam nos Estados Unidos e os caminhões da Guerra Fria que hoje disputam passageiros no Uruguai.

Com 280 páginas e fartamente ilustrado, o livro pode ser comprado diretamente no site da editora Gulliver. Custa R$ 59,90, mais o envio (R$ 15, para qualquer parte do Brasil). Na compra de dois ou mais exemplares, o frete é grátis. Outra opção é fazer o pedido via e-mail, com direito a autógrafo do autor pelo email [email protected]

 

WRC 10: game chega no fim do ano com novidades – veja o trailer!

A franquia WRC é a principal rival da série Dirt – e também o game oficial do Campeonato Mundial de Rali. WRC 10, previsto para setembro de 2021, marcará o 50º aniversário da competição. E a desenvolvedora KT Racing aproveitou o anúncio para divulgar o primeiro trailer.

De acordo com a KT Racing, WRC 10 terá a engine física mais precisa e realista vista até agora na franquia, além de trazer melhorias na simulação de aerodinâmica, turbos e frenagens em todas as superfícies. Também serão inclusos ralis clássicos que já fizeram parte do calendário do WRC, como Acropolis, San Remo, Alemanha e Argentina.

Para acompanhar as provas clássicas, carros de todas as eras dos 50 anos de WRC se farão presentes – mais de 20 modelos de fabricantes como Lancia, Audi, Citroën, Ford e Toyota. E, fora as 51 equipes que participam oficialmente do Mundial de Rali, os jogadores também poderão criar sua própria equipe e até mesmo criar a pintura usada pelos carros.

WRC 10 será lançado para PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox One, Xbox Series e PC em setembro, e para Nintendo Switch em uma data ainda não anunciada.

Matérias relacionadas

Renault Megane RS “vaza” antes do lançamento, Passat terá versão GT de 280 cv, Toyota Supra não terá câmbio manual e mais!

Leonardo Contesini

Ferrari acusada de fraudar quilometragem de usados, novo Alpine A110 e Mitsubishi Eclipse revelados, o novo trailer de Velozes e Furiosos 8 e mais!

Leonardo Contesini

O outro muscle car de “Mad Max”: o Holden Monaro de Nightrider

Leonardo Contesini