A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Corvette C8 será pace car da Indy 500, BMW confirma M3 Touring, por dentro do novo Classe S e mais!

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco.

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

BMW confirma M3 Touring

Pouco depois do vazamento da informação de que a BMW poderia fazer uma perua do M3, a própria BMW preparou um teaser e confirmou que vai mesmo fazer a perua do M3.

Logo no início da tarde de ontem (12), a fabricante divulgou uma foto da traseira do carro, dizendo “Never say never” (nunca diga nunca). Além do teaser, a BMW ainda declarou o seguinte: “Em Garching, próximo a Munique, berço da BMW M, os trabalhos estão levando à futura realização de um sonho: pela primeira vez na história a linha de modelos será complementada por um BMW M3 Touring”.

Antes tarde do que nunca, não é mesmo BMW? Os fãs da marca já cansaram de fazer projetos caseiros baseados em suas Touring regulares e a própria BMW M construiu uma perua M3 há exatos 20 anos, usando como base um E46, mas algum contador de grãos certamente vetou o projeto enquanto Mercedes e Audi construíam este segmento sozinhas.

A BMW também confirmou que a perua terá o motor seis-em-linha M TwinPower, o que não surpreendeu absolutamente ninguém, já que o X3 M e o X4 M já são equipados com este motor e os novos M3 e M4 também usarão este mesmo 3.0 biturbo de 510 cv.

O que a BMW não confirmou é se a perua também terá a opção de câmbio manual como o sedã, mas se o pessoal do último andar do prédio tiver um mínimo de sensibilidade a respeito do passado da marca e do branding da divisão M, eles permitirão que esta perua seja equipada com um pedal de embreagem. Eu só não apostaria nisso… (Leo Contesini)

 

Corvette C8 será o pace car da Indy 500 deste ano

Os organizadores da Indy 500 anunciaram nesta última quarta-feira que o Corvette C8 será o pace car da prova neste ano. Esta será a 11ª vez nos últimos 16 anos que o Corvette irá liderar os carros da Indy 500.

O carro, pintado de vermelho “Torch Red”, é equipado com o pacote Z51 e, claro, terá a tradicional pintura de pace car dos carros que executam esta função. Nesta configuração (Z51) ele produz 502 cv e 64,8 kgfm com seu LT2 de 6,2 litros e acelera do zero aos 100 km/h em 3 segundos antes de chegar aos 296 km/h. Além disso, ele tem um spoiler e um pacote de efeito solo, bem como bancos concha GT2.

 

A Indy 500 deste ano deveria ser organizada em maio, mas graças ao maldito vírus coroado a prova foi adiada para o próximo dia 23 de agosto e será realizada com arquibancadas vazias. (Leo Contesini)

 

Hyundai Creta ganha nova versão intermediária Smart Plus para 2021

A Hyundai anuncia nesta semana mudanças na linha 2021 para o SUV Creta. A partir de agora, as versões Smart e Pulse Plus deixam de existir, sendo substituídas pela Smart Plus.

Custando R$ 91.950, o Creta Smart Plus fica entre as versões Action (R$ 79.990) e Limited (R$ 99.990). A lista de equipamentos até que é generosa, incluindo rodas de 17 polegadas, faróis de neblina, DRLs de LED, volante com revestimento de couro, ar-condicionado automático digital, central multimídia com touchscreen de sete polegadas e integração com smartphones Android e iOS, TV digital, câmera de ré, sistema de monitoramento de pressão dos pneus e bancos com revestimento parcial de couro.

Além disso, o SUV compacto conta com controles eletrônicos de tração e estabilidade, alerta de frenagem de emergência, hill-holder, cruise control com comandos no volante, sensores de estacionamento traseiros, e vidros elétricos nas quatro portas com função um-toque, antiesmagamento e acionamento remoto pela chave.

O motor é o mesmo: o 1.6 Gamma da Hyundai, com 130 cv, acoplado a uma caixa automática de seis marhcas. O novo Creta Smart Plus está disponível nas cores Branco Atlas, Cinza Silk, Prata Brisk, Prata Sand e Preto Onix. (Dalmo Hernandes)

 

CAOA Chery Tiggo 8 é lançado no Brasil por R$ 157.000

A CAOA Chery (sim, este é o nome oficial da marca agora) lançou, enfim, o Tiggo 8 no Brasil. O SUV de sete lugares vem para brigar com caras como o Volkswagen Tiguan Allspace, o Peugeot 5008, e o Mitsubishi Outlander. Para isto, ele chega em versão única por R$ 156.900, equipada com um motor 1.6 turbo a gasolina (e não flex) de 187 cv e 28 kgfm de torque, acoplado a uma caixa de dupla embreagem e sete marchas, banhada a óleo. Este é o preço promocional de lançamento, porém – o preço “cheio” fica em R$ 168.600.

O Tiggo 8 tem como principais equipamentos seis airbags, chave presencial, controles eletrônicos de tração e estabilidade, freio de estacionamento eletrônico, hill holder, assistente de declive, faróis de LED, câmera 360°, sensor de ponto cego, painel de instrumentos com tela de 12,3 polegadas, central multimídia com tela de 10,25 polegadas, ar-condicionado com tela sensível ao toque, carregador de smartphone por indução e teto solar.

Entre seus rivais, o Tigual Allspace parte de R$ 143.990 na versão mais simples, equipada com o motor 1.4 TSI de 150 cv e câmbio de dupla embreagem e seis marchas – e chega aos R$ 208.590 na versão 350 TSI, que tem motor 2.0 turbo de 220 cv e câmbio de dupla embreagem e sete marchas. Já o Mitsubishi Outlander parte de R$ 165.990, com opção de motor a diesel; e o Peugeot 5008 é o mais caro de todos, partindo de R$ 221.590 com motor 1.6 THP de 165 cv e câmbio automático de seis marchas. (Dalmo Hernandes)

 

Mercedes-Benz mostra interior do Classe S cheio de telas e com luz ambiente

A Mercedes-Benz resolveu revelar aos poucos a nova geração de seu Classe S, o que por si só já nos deixa com mixed feelings. Desta vez, a fabricante alemã decidiu mostrar algumas imagens do interior de seu sedã de luxo… e também nos deixou meio divididos.

O habitáculo, como já sabíamos, terá até cinco telas – uma para o cluster de instrumentos, uma tela vertical enorme para a nova central multimídia MBUX, e até três telas para os ocupantes do(s) banco(s) traseiro(s). Além disso, agora vemos com mais detalhes as formas minimalistas do habitáculo, que também tem iluminação ambiente no painel, nos revestimentos de porta e console central.

A equipe do FlatOut fica dividida porque, bem… um interior tecnológico como este pode ser interessante em vários tipos de carros, como cupês esportivos ou carros compactos mais high end (como o Honda E, por exemplo, que integra muito bem as telas ao design do painel). Em um sedã grandalhão, voltado a um público mais velho e endinheirado, esta estética talvez não faça muito sentido.

Isto nos traz à mente a velha máxima – aquela que diz que “se quiser saber como serão os carros daqui a vinte anos, é só olhar o Classe S de hoje”. Isto já foi bem verdade, mas o interior da nova geração não é exatamente o primeiro a ter telas em profusão: lembre do próprio Honda E, que é um compacto urbano premium retrô, e não o maior e mais caro sedã de uma tradicional fabricante alemã conhecida por lançar tendências. E também é inevitável pensar no Tesla Model S e seu enorme tablet no meio do painel – e que pode ser entendido como o carro que popularizou esta tendência.

Agora, Mercedes… será que dá para mostrar o restante do carro de uma vez? Ou teremos que esperar até setembro, mesmo? (Dalmo Hernandes)

 

Matérias relacionadas

Volkswagen Hebmüller: o Fusca conversível 2+2 que foi o precursor do Karmann-Ghia

Dalmo Hernandes

Novo Honda Fit aparece em catálogo, Alemanha rejeita limite de velocidade nacional, FIVA rejeita clássicos eletrificados e mais!

Mercedes lança GLE Coupe em resposta ao BMW X6, Neymar vira navegador de Sébastien Ogier, os detalhes do Mini mais potente já feito e mais!

Leonardo Contesini