A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Sessão da manhã

Este Ford GT de mais de 2.000 cv chegou a 440 km/h em uma milha e quase quebrou um dinamômetro

A proposta do Texas Mile, que acontece sempre duas vezes por ano no (adivinhem só!) estado do Texas, é simples: leve o seu carro e tente alcançar a maior velocidade possível em uma milha (cerca de 1,6 km). O último evento aconteceu no fim de outubro, e o carro mais rápido foi este Ford GT biturbo preparado pela M2K Motorsports. Ele chegou aos 439 km/h e foi o mais rápido de todos no fim de semana.

Não há muitos detalhes a respeito da preparação, mas o que se sabe é que a M2K dá ao motor do Ford GT — originalmente um V8 de cinco litros supercharged de 558 cv — dois turbocompressores, um novo coletor de admissão e reprogramação da ECU. Se quiser saber o resto, você precisa ligar para os caras e encomendar um igual.

O que se sabe é que, no dia 25 de outubro — o principal dia do Texas Mile —, este carro estava calibrado para render mais de 2.000 cv e conseguiu chegar mais de uma vez às 273 mph em suas várias puxadas. Imagine estar dentro deste carro, a esta velocidade, durante um dia inteiro!

Alguns dias antes do Texas Mile, este carro foi testado em um dinamômetro e quase destruiu a máquina com sua força — isto porque os turbos estavam calibrados para entregar menos boost. Por sorte, o dinamômetro já devia estar acostumado e nem se abalou com a fumaça e os pedaços de fuligem. Em vez disso, ele registrou 1.894 hp (o que dá uns 1.920 cv) a 7.480 rpm e 198,8 mkgf de torque a 6.890 rpm. Não, não tem um “1” a mais ali: o Ford GT tem quase 200 mkgf de torque, mesmo.

Duvida? Então assista:

Assustador, mas de um jeito bom, não é? Pois, como já dissemos, esta é a configuração mais mansa do carro, que entregava bem mais de 2000 cv e 200 mkgf de torque no dia do Texas Mile. Aliás, este carro é o mais rápido da história do evento, tendo chegado aos 447 km/h em outubro de 2013. Se você não lembra como foi, eis o vídeo — é o mesmo carro, mas sem a pintura Gulf Oil.

Para superar esta, os caras da M2K Motorsports terão que esperar até março de 2015. Até lá eles com certeza já terão bolado um jeito de deixar seu Ford GT ainda mais rápido, pode apostar!

 

 

Matérias relacionadas

Viaje de volta aos anos 90 com estes comparativos da Best Motoring/Hot Version!

Dalmo Hernandes

Chris Harris on Cars : os melhores vídeos do novo canal que a gente sempre gostou

Dalmo Hernandes

Como a Ferrari mais rejeitada pode ser a melhor de todas?

Dalmo Hernandes