A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture

Não: a cor oficial da Ferrari não é o amarelo

Foto: Derek Walker Photography

Finja que você não leu o título deste post e responda rápido: qual é a cor oficial da Ferrari? É bem provável que você tenha dito que é o amarelo. Todo fã de carros, quando começa a se aprofundar na história e nas tradições das marcas, acaba “descobrindo” que a cor oficial da Ferrari é o amarelo, apesar do vermelho ser a cor mais conhecida e associada à escuderia/fabricante do comendador Enzo.

É por isso que, sempre que se fala em cores e pinturas tradicionais, começa uma pequena discussão sobre a cor oficial da Ferrari: de um lado os defensores do Rosso Corsa; do outro, os defensores do Giallo Modena.

Não sabemos ao certo como começou essa história, e também não conseguimos encontrar nenhuma publicação que mencionasse uma cor oficial.

Diante da ausência de respostas concretas, fizemos a coisa mais óbvia que poderíamos fazer: entramos em contato com a Ferrari e perguntamos qual é a cor oficial da marca. Bem, desculpe ser o estraga-prazeres, mas o amarelo não é e nunca foi a cor oficial da Ferrari.

Eles responderam em uma única frase curta e direta ao ponto:

Bom dia sr. Contesini. A cor oficial da Ferrari é a vermelha devido à cor nacional. 

Simples assim.

Mas de onde as pessoas tiraram a ideia de que a cor oficial da Ferrari é o amarelo? Bem, eles não responderam essa pergunta, mas nós temos um bom palpite.

Dê uma olhada nos logotipos oficiais da Ferrari e da Scuderia Ferrari. Vê alguma cor além do tricolor verde, vermelho e branco da Itália, do amarelo e do preto?

FerrariLogi

Pois é. Sendo o amarelo a cor predominante dos logotipos, a origem da lenda pode estar aí. Mas por que o amarelo? Para responder vamos voltar no tempo, mais exatamente até o dia 17 de junho de 1923.

Naquele dia, o jovem Enzo Ferrari venceu uma corrida no circuito de Savio, em Ravenna, onde conheceu a Condessa Paolina Baracca, mãe de Francesco Baracca, um ás da força aérea italiana que morreu em combate durante a Primeira Guerra Mundial.

3c3e0529-b21f-4fd2-ba1e-abff28897593_large

Francesco Baracca e seu avião durante a Primeira Guerra Mundial

Francesco usava na fuselagem de seu avião a imagem de um cavalo empinado, um dos elementos do brasão de armas de sua família — esse aí embaixo:

StemmaDiBaracca

 

A Condessa, por algum motivo não esclarecido nos livros de história, sugeriu a Enzo que usasse o cavalo de seu filho em seus carros de corrida pois o símbolo lhe traria boa sorte. Enzo aceitou a sugestão mas, em vez de usar o cavalo  sobre um fundo branco como no avião de Francesco, ele adotou um fundo amarelo, uma das cores do brasão de armas de sua cidade-natal, Módena.

Modena-Stemma

Quando Enzo Ferrari fundou sua própria Scuderia, ainda usando modelos Alfa Romeo, seus carros foram pintados com o logotipo amarelo com o cavalo preto rampante.

scan0215

Os primeiros Ferrari-Alfa Romeo com o cavalo rampante em 1929

O cavalo da Ferrari tem uma diferença essencial em relação ao cavalo de Baracca: a cauda do animal é apontada para baixo no avião, e apontada para o alto nos carros de Enzo.

Há ainda uma outra versão da origem do amarelo: o brasão de armas de Nápoles, que é, vejam só, um cavalo preto rampante sobre um fundo amarelo.

Napolitana

Essa origem, contudo, é improvável por dois motivos. O principal deles é que o cavalo rampante é um símbolo muito popular na heráldica — até mesmo o brasão de Stuttgart usa um cavalo rampante, como você pode notar no logotipo da Porsche. O outro é que nem Enzo e nem Baracca têm alguma ligação com Nápoles.

Mas se o amarelo é a cor predominante do logotipo, além de ser a cor da cidade em que Enzo nasceu e iniciou sua Scuderia, por que ele não é a cor oficial da Ferrari?

A resposta tem a ver com os carros de corrida.

ferrari-250-gto-2011-laguna-seca

Na época em que Enzo começou a correr, os carros eram identificados por suas cores nacionais. Nós já contamos essa história neste post (e recomendamos que você leia!) mas, resumidamente, a cor oficial da Itália nas pistas é o vermelho, logo, Enzo Ferrari corria com carros vermelhos. Enzo Ferrari vencia com carros vermelhos e fez história e fama com carros vermelhos.

Claro, houve Ferraris de corrida de outras cores na época, como por exemplo a Ferrari de Chico Landi, que usava as cores do Brasil: carroceria amarela e números/letras verdes…

ChicoLandiFerrariAmarela

e a Ferrari 156 “Sharknose” do belga Olivier Gendebien, que correu com as cores nacionais da Bélgica:

belgian

Mas as Ferrari de Enzo eram sempre vermelhas e assim se mantiveram mesmo depois que a regra das cores nacionais foi abolida.

O vermelho também foi adotado nos carros de rua da Scuderia, provavelmente uma forma de vincular a imagem esportiva aos modelos de turismo e assim vem sendo desde 1949, quando Enzo começou a fazer seus carros de passeio. Desde então as fotos de divulgação, os lançamentos, o material publicitário, a identidade visual corporativa e praticamente tudo que é relacionado à Ferrari usa o tradicional vermelho.

3724986039128223198e76e92eb

É por conta desta tradição nas pistas e a forte ligação entre as corridas, os carros de rua e a pintura rubra que a Ferrari adotou o vermelho como sua cor oficial.

Matérias relacionadas

Novo Need For Speed é um reboot completo com o melhor da franquia – e já ganhou um trailer animal

Dalmo Hernandes

As lendas do automobilismo brasileiro no Velo Città, “Coisas de Hondeiro”, um rolê em uma legítima touge japonesa e mais nos melhores vídeos da semana!

Dalmo Hernandes

Como o Chevrolet Corvette se tornou o carro favorito dos astronautas

Dalmo Hernandes