A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Projetos Gringos

Quase de verdade: as incríveis motos em miniatura de Pere Tarragó

Olhe bem para a foto acima e seja 100% sincero: se não fosse pela mão “gigante”, você diria que esta motocicleta é uma miniatura? O responsável por esta pequena obra de arte e engenharia é um espanhol chamado Pere Tarragó, que dedica sua vida a construir réplicas em escala 1:5 e 1:6. Seu trabalho é de deixar qualquer um boquiaberto, e você vai conhecê-lo agora.

motos-pere (29)

Pere Tarragó nasceu em 1951 na pequena cidade de Molins de Rei, no sudeste da Espanha. Desde adolescente Tarragó é fascinado por modelismo, e começou construindo miniaturas de automóveis usando ferro, zinco e estanho. Hoje, aos 64 anos, ele é dono da Classic Motor Models e produz miniaturas de motocicletas clássicas usando a técnica que aperfeiçoou ao longo das décadas.

motos-pere (28)

“Produzir”, contudo, não é exatamente o termo: todas as motos são fabricadas de maneira artesanal, e quase tudo nelas funciona, com exceção do motor. Tecnicamente, ele não é um fabricante de minituras — é um fabricante de motos. Elas só são pequenas.

motos-pere (13)

 

Não é exagero. Cada um dos modelos criados por Pere – e são dezenas deles – é construído depois de uma análise minuciosa da moto de verdade. Tanto que, quando começou a fabricar as réplicas, ele começou usando suas próprias motos como base. Ele as desmontava, fotografava cada componente, media as peças para garantir fidelidade e, com os meios que tinha, as reproduzia em escala.

motos-pere (22)motos-pere (1)

Ao longo dos anos, na busca pela perfeição, Pere acabou por desenvolver algumas ferramentas sozinho a fim de criar réplicas cada vez mais detalhadas.

motos-pere (34)

Uma coisa não mudou: as miniaturas sempre foram feitas usando, sempre que possível, materiais que são encontrados nas motos de verdade: borracha, couro, alumínio, ferro, policarbonato, etc — tudo com uma atenção aos detalhes que é quase inacreditável. Olha só este motor, por exemplo: se nos dissessem que ele veio mesmo de uma MV Agusta 750S de verdade, nós acreditaríamos:

motos-pere (10)

Ele pode não funcionar de verdade, mas tem todos os componentes que um motor real tem: pistões, bielas, velas, carburadores, comando de válvulas, bloco e virabrequim.

motos-pere (12)

Fantástico, não é mesmo? E é só o começo: todas as motos têm suspensão funcional e freios que realmente seguram as rodas (que são feitas com todos os detalhes de uma roda de verdade, incluindo raios colocados um a um). Até o quadro, que fica quase todo escondido pelos outros componentes, é reproduzido em todos os detalhes.

motos-pere (33)

Não é exatamente necessário — ainda mais se levarmos em conta todo o trabalho que dá fazer estes componentes que ficam ocultos, mas certamente aumenta a credibilidade do trabalho de Pere. Olha só a suspensão, ou os tambores de freio: é realmente inacreditável. Nas miniaturas mais sofisticadas, até o pedal de partida reproduz a resistência à compressão do cilindro.

A maioria das réplicas de Pere é de motos de fabricantes espanholas, como a Bultaco, a Montesa e a OSSA, mas de tempos em tempos ele recria uma uma MV Agusta ou uma Guzzi, além de modelos americanos como as famosas Indian — todas com o mesmo nível de detalhes e, sempre que possível, usando um exemplar autêntico como referência.

motos-pere (15) motos-pere (16)

Faz mais ou menos cinco anos que Pere se juntou a um grupo de entusiastas para fundar a Classic Motor Models e transformar o hobby em um negócio. O site da companhia faz questão de deixar claro que o modelo de produção das miniaturas continua sendo 100% artesanal, que não há relação alguma com grandes empresas e muito menos com fabricantes de motocicletas, e que todo o material necessário vem de fornecedores situados em um raio de até 50 km da sede da Classic Motor Models em Molins de Rei. Assim, ele garante exclusividade e qualidade nas miniaturas que vende.

motos-pere (49)

motos-pere (31)

Aliás, se você quiser, não precisa comprar uma miniatura inteira: a CMM também vende kits para montar. A única forma de adquirir os produtos é visitar o site da CMM ou procurar um de seus dois únicos distribuidores: a loja Vincon e o Museu Moto de Barcelona (ainda que, aparentemente, ambos estejam com o estoque vazio).

Matérias relacionadas

Como é acelerar a LaFerrari? Descubra neste vídeo em primeira pessoa

Dalmo Hernandes

Miami Vice: a Ferrari Testarossa branca mais famosa do mundo está à venda!

Dalmo Hernandes

Este Supra A90 com motor 2JZ da HKS é tudo o que os puristas queriam

Dalmo Hernandes