A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Redução de velocidade nas marginais de SP é “experimental”, um Dodge Challenger Hellcat ainda mais potente, Fiat terá Abarth roadster e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Prefeitura de São Paulo diz que redução da velocidade nas Marginais é “experimental”

Marjilmar-redução

No primeiro dia após a redução dos limites de velocidade nas Marginais (leia mais aqui), o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, disse em entrevista à Rádio Estadão que a medida tem caráter experimental e pode ter mudanças. Durante a entrevista, o prefeito disse que já recebeu um relatório da Companhia de Engenharia de Tráfego e que irá divulgar os dados.

A intenção da medida é reduzir as mortes decorrentes de atropelamentos e acidentes. Em 2014 foram 1.180 acidentes e 1.399 pessoas envolvidas, com 73 mortes. Haddad disse ainda que irá acompanhar “com cautela” os resultados dos relatórios da CET para verificar se as medidas resultarão “em vidas salvas e maior fluidez”.

 

Walsh Motorsports lança o Challenger HellCat X, com 820 cv

1349446338114112289

Não satisfeita com os 717 cv do Dodge Challenger HellCat “comum”, se é que se pode dizer isso deste carro, a preparadora Walsh Motorsports criou uma versão do carro que, além do compressor mecânico, traz também dois turbocompressores. Em suma, o carro tem indução triplamente forçada e gera, com isso, 820 cv. Um ganho de potência relativamente pequeno, cá entre nós.

Criado para um evento de caridade, o Dream Giveaway, cuida de crianças vítimas de abusos, o modelo foi chamado de X em homenagem ao XF6F Hellcat, o protótipo que deu origem ao caça que foi usado na Segunda Guerra Mundial. Além do HellCat X, também estará no evento um Challenger R/T 1970. Os dois modelos estão sendo rifados. E o valor da rifa é de meros US$ 3…

 

Infiniti apresenta o Q30 de produção

Infiniti-Q30-3

A estreia oficial do modelo de entrada da Infiniti só aconteceria no Salão de Frankfurt, em setembro, mas a marca de luxo da Nissan resolveu antecipar a revelação de sua versão de produção. Que nem é tão diferente assim do Q30 Active Compact Concept, mostrado em 2013.

Construído sobre a plataforma do Mercedes-Benz Classe A, a MFA, o Q30 competirá com o modelo da Mercedes e também contra Audi A3 e BMW Série 1. Ainda que a empresa não tenha divulgado dados oficiais, ainda, o emblema na carroceria denuncia o mesmo motor 2.2 turbodiesel de 170 cv e 40,8 mkgf que também é fornecido pela marca alemã. Em suma, o Q30 é um Classe A com estilo japonês. Se for mais barato, tem chance de fazer estrago.

 

Futuro Fiat 124 terá versão Abarth

MiataQuestionMark

O roadster da Fiat, que está sendo desenvolvido sobre a plataforma do Mazda MX-5, por uma questão de redução de custos, terá não apenas os motores de 1.400 cm³ e 1.750 cm³ turbinados, mas também uma versão Abarth, segundo o executivo Alfredo Altavilla, da FCA.

A Abarth deve usar o motor 1.750 da Alfa Romeo, o mesmo sob o capô do Alfa Romeo 4C, ainda que em versão atualizada, a mesma que deve equipar o Alfa Giulia de entrada. Altavila disse à revista britânica Auto Express que seriam duas as versões disponíveis: uma voltada ao conforto e uma mais extrema. A previsão de estreia do novo roadster da Fiat é para o Salão de Frankfurt, em setembro.

 

McLaren 675LT está esgotado

mclaren-675lt_studio_02-54eddec7869bf

Quem pretendia esperar a nomeação de um representante oficial para comprar seu McLaren 675LT por aqui dançou. Isso porque todas as 500 unidades do modelo já foram vendidas. Lançado em março deste ano, no Salão de Genebra, o 675LT é um Super Series especial, ou melhor, um 650S com “long tail”, uma característica que dá ao carro 40% a mais de sustentação negativa. Ele também é 100 kg mais leve que o 650S.

Como não dá para importar carros usados ao Brasil, quem quiser um 675LT terá de deixá-lo em sua casa de veraneio, no exterior. Só lá fora será possível desfrutar dos 330 km/h de máxima e da aceleração de 0 a 96 km/h em 2,8 s. Pelo menos pelos próximos 30 anos.

 

BMW anuncia recall de 51 unidades no Brasil

bmw-m3_sedan_2015_6

A BMW anunciou a convocação de 51 unidades dos modelos 328i GT M Sport, 428i Gran Coupé M Sport e M3, fabricados entre setembro e dezembro de 2014. O motivo da chamada é o reparo do cinto de segurança do passageiro dianteiro, que pode endurecer em temperaturas inferiores a zero grau, dificultando seu afivelamento.

O reparo consiste em inspeção e/ou substituição do dispositivo, e leva cerca de uma hora e vinte minutos. Os proprietários devem agendar o reparo pelo telefone 0800 707 3578.

 

Ford convoca recall para 14.730 unidades do Fusion

ford_fusion_2013

Um defeito na direção elétrica do Fusion de primeira geração levou a Ford a convocar um recall para 14.730 unidades do sedã grande, produzidas de 7 de setembro de 2010 a 28 de fevereiro de 2012. Uma falha no software pode levar à interrupção da assistência, tornando o volante mais pesado repentinamente, o que pode causar perda de controle.

O reparo consiste em uma atualização do software, algo que leva apenas 15 minutos, mas pode também exigir a troca de todo o sistema de direção, um serviço que leva cerca de três horas. Os chassis envolvidos vão de BR129990 a BR332286, para os modelos 2011, e de CR100012 a CR313284 para os 2012. Mais informações estão disponíveis no site da Ford.

 

Land Rover Defender será produzido por mais um ano

land_rover_defender_28

No começo deste ano a Land Rover anunciou a última série do seu icônico Defender, depois de 67 anos de serviços prestados dentro e fora das estradas de todo o mundo. Eles até anunciaram três séries especiais de despedida, a Autobiography, a Adventure e a Heritage, para marcar o fim da produção, que aconteceria ainda em 2015.

Mas agora, segundo o Automotive News Europe, a fabricante decidiu estender a produção do utilitário até 2016. Depois disso ele será finalmente aposentado e substituído por um novo modelo, mais moderno, porém com as mesmas capacidades fora-de-estrada, em 2018. Ao menos é o que os fãs esperam.

Matérias relacionadas

O novo Mercedes GLB, FCA e Renault podem retomar negociação, Kawasaki Versys 1000 no Brasil e mais!

Novo prazo para as placas do Mercosul, as primeiras fotos do BMW M8, um Civic VTi turbo de 300 cv no Brasil e as novidades da semana no FlatOut e no YouTube do FlatOut

Leonardo Contesini

A história da Husqvarna, a moto favorita de Steve McQueen – parte 1

Dalmo Hernandes