A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História Zero a 300

50 anos do Opala: a sobrevivência aos anos 1980 e o fim depois de 25 anos de estrada

Enquanto o Opel Rekord C saiu de cena em 1971 na Alemanha, no Brasil ele continuou firme e forte ao longo de toda a década e, graças às peculiaridades do nosso mercado, ainda atravessaria os anos 1980 para morrer somente nos anos 1990. É claro que ele não poderia entrar nos anos 1980 com a mesma cara de 1976, e, por isso, em 1980 a GM do Brasil submeteu o Opala à sua primeira grande transformação: um facelift completo que deu a ele uma cara mais contemporânea, baseada nas linhas retas que se tornaram tendência naquela virada de década e marcariam os anos 1980. O novo desenho tinha algo do Chevrolet Citation, compacto de tração dianteira lançado nos EUA em 1979, com faróis retangulares, piscas envolventes, e lanternas traseiras integradas, separadas pelo suporte de placa, que passou a ocultar o bocal de combustível. Os para-choques também passaram a ser envolventes, feitos de metal cromado ou pintado. Apesar das novidades externas, o Opala 1980 manteve as maçanetas cromadas e salien

Matérias relacionadas

Do 356 ao 997: a trajetória dos Speedsters da Porsche

Leonardo Contesini

Um Honda Civic VTi com motor 2.0 e 200 cv pode ser seu novo hot hatch

Dalmo Hernandes

Fãs de Top Gear levam tanque a protesto pela volta de Clarkson, os novos personagens de Velozes e Furiosos, Hyundai HB20 em versão “apimentada” e mais!

Leonardo Contesini