A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História

A Buick também já fez um Hellcat – mas não era um muscle car

Hellcat, para todo entusiasta da nossa geração, tem um significado bem especial: é o nome daquele que não apenas é o Dodge mais potente da história, mas também o muscle car produzido em série mais potente de todos os tempos. Seu V8 Hemi de 6,1 litros supercharged entrega 717 cv, ele faz o quarto-de-milha em dez segundos com os pneus certos, e pode ser comprado em qualquer concessionária Dodge dos EUA. O Dodge Challenger Hellcat é um carro verdadeiramente f8da. Mas ele não foi o primeiro Hellcat construído por uma fabricante de automóveis nos EUA. Antes dele, houve o Buick Hellcat. Só que ele não era um muscle car. Era um tanque de guerra. Seu nome completo era Buick M18 Hellcat, e ele foi um destruidor de tanques que serviu na Segunda Guerra Mundial a partir de 1944 e, honrando o nome, é um dos tanques mais legais já feitos. Até 1980, o M18 Hellcat era o veículo com lagartas mais veloz dos Estados Unidos – um recorde que durou nada menos que 36 anos. Mas como foi que uma fa

Matérias relacionadas

Mazda 787B, o primeiro e único japonês a vencer as 24 Horas de Le Mans

Dalmo Hernandes

Auto Union Type 52: quando a Audi criou um supercarro moderno… em 1934

Dalmo Hernandes

Por que “Mercedes”-Benz? A origem judia dos carros favoritos dos oficiais nazistas

Leonardo Contesini