A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História

A história Auto Union, parte final: Audi, a fabricante que nasceu duas vezes

Há algumas semanas, começamos uma série especial sobre a Auto Union – a companhia alemã que deu origem àquela que hoje chamamos de Audi. Ela foi formada nos anos 1960 por quatro empresas: Horch, Wanderer, DKW e a própria Audi, que foi a marca que prevaleceu. Mas... como isto aconteceu? É o que veremos nesta quarta parte desta história – dedicada, finalmente, à Audi. Se você leu a primeira parte, certamente vai lembrar de August Horch, que chamamos de "o homem que começou tudo". De fato, ele foi o fundador da Horch, que começou as atividades em 1899 como August Horch & Company. Os primeiros anos foram promissores mas, por volta de 1907, August Horch foi expulso da companhia que ele mesmo fundou, que continuou a operar sem ele e tornou-se uma das pioneiras da indústria automotiva alemã. Já em 1909 Horch fundou outra companhia – a August Horch Automobilwerke GmbH. Só havia um problema: ele próprio não poderia utilizar seu sobrenome, já que a marca Horch havia sido registrada

Matérias relacionadas

A história da Jensen Motors, parte 2: motores V8, o segundo Interceptor e o fim repentino

Dalmo Hernandes

70 anos de 356: a história e as versões do primeiro esportivo de rua da Porsche

Dalmo Hernandes

Lotus Cortina: quando Colin Chapman transformou um Ford barato em um monstro

Dalmo Hernandes