A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Carros Antigos

A história das peruas brasileiras | Parte 1: da DKW Universal à Variant II

Dos nichos afetados pela SUVização do planeta, as peruas foram as que mais sofreram. Das marcas americanas, a última perua disponível por lá, a Buick Regal Wagon, saiu de linha neste mês — e ela era um Opel Insignia Caravan rebatizado. De projeto americano mesmo, o fim foi em 2014, quando a Cadillac CTS Wagon deixou de ser produzida. E antes que você argumente que os EUA são o berço dos SUV, eles também são o berço das peruas — esportivas ou não. Esse tipo de carroceria se popularizou nos anos 1910 ainda com base no Ford T, que era reencarroçado por empresas independentes e depois ganhou o mercado na forma das "woodies". O resto é história. Apesar do fim das peruas americanas, o nicho das station wagons é o que mais cresceu nos últimos anos por lá. Por alguma razão, os consumidores americanos decidiram trocar SUVs de grande porte por peruas europeias, que são as mais vendidas e que impulsionaram este crescimento. No Brasil, contudo, a situação das peruas é terminal. El

Matérias relacionadas

Estes são os carros brasileiros aptos à placa preta (ou à nova placa) em 2019

Leonardo Contesini

Alfa Romeo Alfetta GTV6: delicie-se com um dos roncos de V6 mais bonitos de todos os tempos

Dalmo Hernandes

Os barn finds mais incríveis já encontrados no Brasil

Dalmo Hernandes