A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

A nova Fiat Strada, a cara nova do Chevrolet Equinox, Audi Q3 lançado no Brasil e mais!

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco.

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

Audi lança nova geração do Q3 no Brasil

A Audi lançou a nova geração do Q3 no Brasil depois de encerrada a pré-venda iniciada em novembro do 2019. O crossover compacto chega ao Brasil importado da Hungria, a Audi não comenta sobre nacionalização. O Q3 vem em três níveis de acabamento, todos equipados com o motor 1.4 TFSI de 150 cv e com preço a partir de R$ 179.990.

 

Na base da gama tem o Q3 Prestige, que vem de série com faróis de LED, câmera de ré, cruise control e regulagem elétrica do banco do motorista. A opção intermediária é o Q3 Prestige Plus, que parte de R$ 189.990, ele vem de série com ar condicionado de duas zonas, o cluster Audi Cockpit Virtual, chave presencial, porta-malas com abertura elétrica, rebatimento elétrico dos retrovisores, faróis full-LED e rodas de 18 polegadas. O teto solar panorâmico é oferecido como opcional.

O topo de linha Black parte de R$ 209.990 e conta com grade e frisos pretos no exterior, rodas de 19 polegadas, sistema de estacionamento automático e bancos esportivos. Como opcional ele oferece cruise control adaptativo e iluminação do interior configurável. O modelo esportivo RS Q3 deverá chegar mais tarde ao Brasil, com o motor 2.5 de 400 cv. Já a motorização 2.0 TFSI que era oferecida na geração anterior foi abandonada na versão vendida no Brasil do Q3. (Eduardo Rodrigues)

 

Fiat revela teaser da nova geração da Strada

A Fiat revelou nesta manhã de sexta-feira (7) a primeira imagem oficial da nova geração da picape Strada. Apesar dos rumores iniciais de que ela seria inspirada no Mobi, a imagem mostra que ela tem forte influência da Toro, como deixam claro as lanternas e os faróis que se estendem pelas laterais, as proporções da cabine em relação ao capô e a caçamba, e a silhueta da área envidraçada na lateral.

Como esperado, ela terá quatro portas, mas não mais as portas suicidas oferecidas na versão cabine dupla do atual modelo. Ela terá as portas traseiras com abertura convencional e deverá ter uma carroceria de duas portas com caçamba aumentada nas versões de entrada — as mais importantes do segmento, devido à demanda de clientes frotistas.

Sob o capô ela deverá compartilhar os motores com o Fiat Argo — 1.3 FireFly e 1.8 16v etorq —, embora seja possível a adoção de motores turbo futuramente. Considerando o sucesso da Toro e da atual Strada, dificilmente ela perderá o posto de líder de vendas entre as picapes. Ela também não deverá ficar muito mais cara que a atual, pois a Toro parte de R$ 97.000 e a atual Strada Adventure cabine dupla 1.8 sai por R$ 86.700. A menos que o preço da Toro de entrada seja elevado — ou a versão seja descontinuada — dificilmente a nova Strada custará muito mais de R$ 85.000. (Leo Contesini)

 

Chevrolet Equinox ganha cara nova nos EUA

Já havíamos visto a cara nova do Equinox em janeiro, mas agora ele finalmente foi lançado nos EUA. O facelift deu a ele novos faróis bipartidos (DRL e pisca na parte superior, luz baixa e alta na parte inferior), uma grade redesenhada e novos para-choques, que o deixaram com um visual mais contemporâneo, com algo que remete aos Volvo, ainda que de forma simplificada, como é típico nos carros americanos.

As novidades não ficarão restritas aos EUA, evidentemente. Como o modelo vendido no Brasil é importado do México, ele também irá mudar.

As mudanças, contudo, serão limitadas ao visual. Sob o capô ele continuará com o 1.5 turbo de 172 cv e 27,8 kgfm combinado ao câmbio automático de 6 marchas nas versões LT, Midnight e Premier, e com o 2.0 turbo de 262 e 37 kgfm e o câmbio de nove marchas na versão Premier, que também tem tração nas quatro rodas. (Leo Contesini)

 

Ducati Superleggera V4 é lançada por R$ 700.000

A gente sempre falou que o barato das motos superesportivas é que elas entregam performance de supercarro em aceleração e velocidade máxima, mas por uma fração do preço. Mas… então temos a Ducati Superleggera V4, lançada mundialmente ontem (6). Ela já pode ser encomendada no Brasil por módicos R$ 700.000. Setecentos paus, cara.

A Superleggera V4 é uma versão ainda mais extrema da V4 Panigale, e é equipada com um motor V4 (obviamente) de 998 cm³, acoplado a uma caixa de seis marchas com sistema quickshift. De cara ela entrega 224 cv a 15.250 rpm e 11,7 kgfm de torque – isto na versão legalizada para as ruas. Com o sistema de escape Akrapovic opcional, que só pode ser usado em pista, a potência chega aos 234 cv.

Com componentes de fibra de carbono (incluindo o quadro e o braço oscilante traseiro), titânio, magnésio e alumínio, a Superleggera V4 chega aos 159 kg – 16 kg a menos que a Panigale. A relação peso/potência pode ser de 0,71 kg/cv ou 0,68 kg/cv, dependendo do escape utilizado. Surreal.

A Ducati Superleggera V4 ainda tem suspensão Öhlins na dianteira com garfo de titânio, freios Brembo, cinco modos de condução e data logger para tempos de volta. Serão feitas 500 unidades, começando a partir de junho de 2020, e a Ducati afirma que serão produzidos cinco exemplares por dia. As entregas devem começar logo depois.

No Brasil, para adquirir uma Superleggera V4, basta ir a uma concessionária Ducati com um sinal de R$ 100.000 nas mãos. Quem aí está a fim de fazer uma vaquinha? (Dalmo Hernandes)

 

Peugeot adianta que nova geração do 208 virá com itens de segurança inéditos na categoria

A Peugeot começou o conta-gotas de informações para anteceder o lançamento da nova geração do 208. A primeira dessas informações vem para tirar do público a imagem de insegurança passada pelo modelo atual que recebeu apenas duas estrelas no crash test do Latin NCAP: o 208 virá com um itens de segurança inéditos na categoria.

“Itens de segurança inéditos” é uma afirmação vaga, mas isso pode indicar a vinda do pacote Advanced Driver Assistance Systems (ADAS). Esse pacote inclui assistente para manter na faixa de rodagem, cruise control adaptativo e frenagem autônoma de emergência. Esses itens realmente não são oferecidos em outros compactos que concorrerão com o 208. Além disso o novo sistema de pontuação do Latin NCAP valoriza esse tipo de equipamentos, o que pode indicar uma possível nota máxima com a metodologia nova.

A Peugeot também frisou que o 208 será a estreia da plataforma CMP no Mercosul e que esse é um passo importante para inovações de segurança. O 208 vem sendo flagrado rodando sem disfarces e será lançado ainda em 2020. Ele virá com os conhecidos motores 1.2 e 1.6 aspirados nas versões de entrada e intermediária, na topo de linha terá a estreia da versão turbinada do 1.2 com potência de 130 cv e 20 kgfm de torque.

Não se sabe ainda se o 208 do Mercosul usará a nova transmissão automática de oito marchas oferecida na Europa ou a de seis já adotada no Brasil, ambas projetadas pela japonesa Aisin. (Eduardo Rodrigues)

 

Fiat Grand Siena 2021 agora vem com Isofix (e fica mais caro)

A Fiat está adequando toda a sua linha à nova resolução do CONTRAN que determina que todos os carros novos vendidos no País venham com fixação Isofix para cadeirinhas infantis. O mais recente modelo a entrar para a lista é o Grand Siena 2021 (sim, em pleno mês de fevereiro de 2020) – que também recebeu um reajuste de preços.

Segundo os colegas do Autos Segredos, as versões Attractive 1.0 e Attractive 1.4 ficaram R$ 1.000 mais caras cada uma – a primeira, com motor 1.0 Fire EVO de 73 cv, agora sai por R$ 48.990. Já a segunda, que tem o motor 1.4 Fire Evo de 85 cv, custa R$ 53.990. Em ambos os casos o motor é acoplado a uma caixa manual de cinco marchas.

As duas versões do Grand Siena trazem com ar-condicionado, direção hidráulica, computador de bordo, vidros elétricos dianteiros, pré-disposição para som e trava elétrica como principais itens de série. Há dois pacotes de opcionais: Creative 1, que acrescenta volante com regulagem de altura, função um-toque e antiesmagamento para os vidros traseiros, retrovisores com tilt down e banco do motorista com regulagem de altura, além de acabamento mais refinado, por R$ 1.900; e Creative 2, com volante multifuncional; sensor de estacionamento traseiro; sistema de som Connect com cd-player, MP3, Bluetooth e seis alto-falantes por R$ 2.590. (Dalmo Hernandes)

 

Haas é a primeira equipe de Fórmula 1 a revelar sua pintura para 2020

Embora a Haas não seja a maior e nem mais vitoriosa equipe da Fórmula 1 (longe disso), ao menos eles foram os primeiros a apresentar (ontem, dia 6) sua pintura para a temporada de 2020.

O novo carro abandona o esquema preto e dourado usado no ano passado, herdado do patrocinador Rich Energy, e volta a usar o cinza, vermelho, preto e branco que vestiu em seu ano de estreia, 2016. O Haas VF-20 ainda não foi testado, mas os pilotos Romain Grosjean e Kevin Magnussen esperam que ele tenha potencial para trazer melhor desempenho que no ano passado – a temporada 2019 foi uma das piores da curta história da equipe: com 28 pontos ao fim da temporada, a Haas só não ficou na lanterna porque a Williams conseguiu ser ainda pior, marcando apenas um mísero ponto.

A Haas F1 também afirma que, por enquanto, só revelará as fotos do carro – o lançamento oficial acontecerá depois que todos os testes forem concluídos, e o VF-20 estiver totalmente livre de problemas. (Dalmo Hernandes)

Matérias relacionadas

Os pocket rockets mais legais que se pode comprar em 2018 (e que não temos por aqui…)

Dalmo Hernandes

Interlagos terá bailes funk, Lamborghini Huracán à venda no Brasil, o recall do novo Ford Ka e mais!

Leonardo Contesini

Fiesta perde motor EcoBoost no Brasil, Novo Renault Clio (e Sandero) aparece em miniatura, Porsche Cayenne aparece em testes e mais!

Leonardo Contesini e Dalmo Hernandes