A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Avaliações

Aceleramos o Jaguar XFR-S: 550 cv, inglês de nascença, australiano de corpo e alma

O sentimento de sua alma não pertencer à determinada época ou lugar é algo que sempre existiu e incomodou a existência de muitos de nós. Não se trata de uma escolha. Não é racional, induzido, criado. Simplesmente é. Como se por uma espécie de wormhole espaço-temporal você tivesse sido arrastado de onde e quando você realmente deveria ter vindo ao mundo. E, em vez de estar província de Gunma na década de 1980, em Interlagos na década de 1970, em Goodwood nos anos 40 ou na Califórnia da década de 1960, você está aqui e agora. Muita gente vive e vai embora sem nunca ter descoberto o seu raison d'être – a razão de ser –, o combustível do espírito, o norte da bússola da existência. Não existe crise existencial para quem já a encontrou. Mas o fato é que muitos de nós, entusiastas, acabamos descobrindo que essa bússola quase sempre não coincide com onde e quando estamos. Ao menos a atualidade globalizada e conectada nos assegura o conforto de realizar muitos destes sonho

Matérias relacionadas

Um Dodge Challenger, um baixo Rickenbacker e as montanhas de Los Angeles

Juliano Barata

Aceleramos o Honda HR-V: a nova referência entre os SUVs compactos?

Juliano Barata

Fiat Bravo T-Jet 2016: o sabor e os vícios da velha guarda

Juliano Barata