A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Avaliações

Aceleramos o Suzuki S-Cross: o SX4 que virou crossover

A força de mercado dos SUV compactos e crossovers em todo o mundo é comparável à da gravidade. Hoje praticamente não há mais fabricante que fique de fora dessa música: até mesmo a Porsche e a Mercedes-Benz entraram na dança. Com a Suzuki não poderia ser diferente. Em nome desta tendência, a nova geração do famoso hatch SX4 foi reformulado para ser transformado em um crossover: eis então o maior e mais alto Suzuki S-Cross, que carrega um pequeno emblema SX4 sobre seu nome como herança. Ele carrega as tradicionais qualidades dos veículos da Suzuki, como o Jimny e o Swift Sport – sólida execução de engenharia e alta eficácia energética –, mas tem um grande desafio adiante: o momento de sua chegada divide atenções com Honda HR-V, Jeep Renegade, Peugeot 2008; todos querendo, de alguma forma, tomar espaço do mercado tradicionalmente disputado por Ford Ecosport, Renault Duster e, em menor escala, Mitsubishi ASX. E aí, será que o japa tem predicados pra entrar nessa briga?

Matérias relacionadas

Rota obrigatória para entusiastas: a Estrada dos Romeiros e o Mercedes-Benz CLA45 AMG

Juliano Barata

Aceleramos: Camaro Sunrise SS (conversível) a 200 km/h na pista da Chevrolet

Juliano Barata

Aceleramos o novo Jetta R-Line 250 TSi: irreconhecível é algo bom ou ruim?

Juliano Barata