A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture História

Adeus, SLK: a trajetória do pequeno roadster da Mercedes-Benz

Nesta semana a Mercedes-Benz deixou subentendido que seu roadster compacto, o SLC, deixará de ser produzido. Foi apresentada a série especial Final Edition, disponível para as versões SLC 300 e SLC 43 AMG, como despedida da atual geração. Contudo, o lançamento da inédita versão Cabriolet do Classe C, em 2016, deixou o SLC meio perdido na gama da marca, e a Mercedes já falou algumas vezes em um modelo compacto baseado na Classe A para rivalizar com o Audi TT.  Como ele já não vendia muito bem desde 2016, quando mudou de nome e perdeu sua versão mais potente, a 55 AMG, é pouco provável que ele receba um sucessor. É um fim melancólico se considerarmos que a primeira geração do SLK foi lançada em 1996, há 23 anos, com altas aspirações: brigar, ao mesmo tempo, com roadsters esportivos mais baratos, como o Mazda MX-5 Miata, e com o Porsche Boxster, mais sofisticado e com motor central-traseiro, que foi lançadona mesma época. E ele também tinha seu rival direto – o BMW Z3, que chegou

Matérias relacionadas

Unit 2: o depósito secreto dos carros de corrida aposentados da McLaren

Dalmo Hernandes

Uno Turbo: 20 anos do hot hatch brasileiro mais italiano de todos

Dalmo Hernandes

Ferrari F40 e F50 em Araxá: dissecamos os detalhes da dupla mais exclusiva do Brasil

Leonardo Contesini