A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Projetos Gringos

Algum maluco transformou uma raríssima Ferrari 412 em uma picape para pintores!

Como você sabe, a Ferrari nunca fez e nunca fará uma picape. Isso significa que algum maluco picotou a traseira desta 412 para transformá-la em um utilitário. E se você já ficou escandalizado pela heresia, espere só até descobrir o que há sob o capô desta super Fiorino.

Esta 412 nasceu em 1989 como um cupê de quatro lugares com motor V12 dianteiro de 4.9 litros, mas em algum momento desses 25 anos, seu antigo proprietário cometeu a primeira heresia contra esta máquina italiana: o motor V12 foi trocado por um V8 Chevrolet. Depois disso ela perdeu os vidros de alguma forma desconhecida, e como apenas 576 exemplares foram produzidos, nem mesmo a Ferrari consegue vidros sobressalentes facilmente, o que também faz com que eles custem uma pequena fortuna.

udh2h7mnxber7ot7aijd

É por isso que os apresentadores do programa “Ultimate Wheels” do History Channel britânico conseguiram comprar uma das Ferrari de série mais raras já feitas por apenas £ 5.000 (R$ 19.000) — isso é menos que um Dacia Sandero pelado, que é o carro mais barato do Reino Unido e custa £ 5.999 (R$ 22.500).

Em “Ultimate Wheels” o apresentador Elo e seu cúmplice Will Trickett constroem e restauram todos os tipos de carros para compor o acervo do London Motor Museum, que como sugere seu nome, é um museu de carros criado em 2012 pelo próprio Elo. Entre os carros estão raridades como um Batmóvel do primeiro filme do homem-morcego dirigido por Tim Burton, o Ford Torino de Starsky & Hutch e um Herbie, todos originais usados nas produções.

wdxnqsce3o8krkc5iybl

Com uma bomba italiana Ferrari raríssima e caríssima de se restaurar nas mãos e sem o motor original, os apresentadores Elo e Will Trickett decidiram transformar a 412 em algo diferente (provavelmente algo que não explodisse o orçamento do programa) e então a transformaram em uma picape. A carnificina está toda registrada no vídeo abaixo:

Eles começaram cortando 30 cm do teto da raridade e reposicionaram a coluna traseira para criar uma cabine de dois lugares e uma caçamba de quase um metro de comprimento. Como esta seria uma picape Ferrari, ela não poderia ter apenas um protetor de caçamba feito de fibra, então a dupla buscou inspiração nas famosas lanchas Riva italianas para fazer o revestimento de madeira na traseira, com direito a um sistema de som Bang & Olufsen sob o fundo — você sabe, para fazer um pancadão na gas station.

gq3ejwprb4zqqwq15dag

r6xletvaid6ghibrkpkp hboacrohq9nacfy0jqge

Como um V12 clássico da Ferrari não é algo muito fácil de se encontrar por aí, eles mantiveram o V8 Chevy e deram a ele um toque americano, com uma admissão tipo “cano de rifle” exposta através do capô e o escape ganhou um sistema de válvulas que altera o ronco ao gosto do motorista/pintor.

thspafwsa4qgdzqykpkj

A pior parte da história, é que apesar de ter se tornado a Ferrari mais herege do universo, o resultado até ficou bem interessante e aparentemente bem construído. Não seria uma má ideia usá-la no dia a dia para carregar algumas coisas por aí — especialmente com um motor mais adequado à origem italiana. Quem sabe um V6 turbo Alfa Romeo?

Ah… e caso você esteja se perguntando, ela não está sendo realmente usada por um pintor. Essas fotos são apenas um ensaio fotográfico temático com uma “sugestão de uso”, digamos.

 

Matérias relacionadas

GRT V8i: estes caras estão colocando um motor V8 em um BMW i8!

Dalmo Hernandes

Sim, isto é um Volkswagen Corrado shooting brake – original de fábrica!

Dalmo Hernandes

If in doubt… compre logo! O Subaru Impreza WRC97 de Colin McRae está à venda!

Leonardo Contesini