A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Mercado e Indústria

Ano novo, velho imposto: IPI para automóveis volta a partir de 1º de janeiro

A novela do IPI reduzido para automóveis terá novos capitulos a partir do primeiro dia de 2014. Depois de duas prorrogações, o governo federal decidiu aumentar gradualmente a alíquota do imposto até chegar aos valores anteriores à redução. Veja a seguir como e quais serão os aumentos. 

A redução do IPI dos automóveis havia sido implementada como medida temporária para amenizar os efeitos da instabilidade econômica internacional com fim previsto para 31 de dezembro de 2012, mas devido aos resultados positivos acabou prorrogada por duas vezes, primeiro até março, e depois até 31 de dezembro deste ano.

Na última terça-feira, 24, o governo publicou o decreto que institui o aumento gradual do IPI em duas etapas — a primeira em 1º de janeiro e a outra em 1º de julho de 2014 —, apesar dos pedidos dos fabricantes e do impacto sobre os preços, que poderão ser aumentados em até 2,2% para o consumidor final. O secretário interino da Fazenda, Dyogo Henrique de Oliveira, por sua vez, disse que “o governo ainda não calculou os impactos pois existem vários fatores a ser considerados, como os estoques” e que os preços serão acompanhados a partir de julho. Veja abaixo como serão as alíquotas do IPI em 2014:

tabela-IPI-2014

Com a notícia da volta do IPI, espere ver uma nova corrida dos consumidores às lojas em busca das últimas unidades com o preço mais baixo. Isso mostra como a carga tributária incidente sobre os automóveis afeta a percepção de valor dos consumidores e como a carga tributária (mesmo o IPI sendo o menor dos impostos) é usada como ferramenta de manobra pelo governo para aquecer o mercado conforme a necessidade — independentemente das consequências a médio e a longo prazo. 

 

Matérias relacionadas

Kombi: como um veículo de carga se tornou um dos colecionáveis mais procurados do mundo

Dalmo Hernandes

Os sedãs compactos que menos cobram por pouco peso e mais potência são…

Gustavo Henrique Ruffo

5 Mercedes com preços interessantes escolhidos pelo Leo Contesini

Leonardo Contesini