FlatOut!
Image default
Zero a 300

BMW lança novos M340i e M440i no Brasil, Mercedes-Benz SL tem interior revelado, Gemballa revela supercarro off-road baseado no Porsche 911 Turbo S e mais!


Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco!

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

BMW lança novos M340i xDrive e M440i no Brasil

A BMW apresentou nesta semana duas novas versões para o Série 3 e o Série 4 – o M340i xDrive e o M440i Coupé. Ambos representam o topo de suas respectivas linhas, ficando abaixo apenas do M3 e do M4 (sendo que este último não está disponível no Brasil, por enquanto).

Ambos são movidos pelo mesmo seis-em-linha de três litros turbo TwinPower (com turbocompressor de duplo fluxo), capaz de entregar 387 cv entre 5.800rpm e 6.500rpm e 51 kgfm a até 5.000rpm. O câmbio também é o mesmo para os dois modelos – o onipresente ZF 8HP, automático de oito marchas com aletas atrás do volante para as trocas.

O que muda, obviamente, é o sistema de tração: integral xDrive no M340i e traseira no M440i Coupé. Com isso, o M340i ganha em aceleração – vai de zero a 100 km/h em 4,4 segundos, enquanto o M440i precisa de 4,8 segundos para fazer o mesmo. É uma diferença pequena, que pode até ser irrelevante caso a sua prioridade seja um comportamento mais arisco nas curvas (no caso do M440i). Nos dois carros a velocidade máxima é limitada eletronicamente em 250 km/h.

Em comum, os dois carros vêm com uma série de recursos da divisão Motorsport – como o diferencial M Sport, suspensão mais firme, freios mais eficazes e direção com relação variável. Além disso, o conjunto aerodinâmico exclusivo traz spoiler dianteiro com tomadas de ar maiores, novas saias laterais e, no caso do M440i, para-choque traseiro com novo desenho.

Os dois carros já podem ser encomendados nas concessionárias BMW. O M340i xDrive custa a partir de R$ 542.950, enquanto o M440i Coupé sai por R$ 575.950.

 

Mercedes-Benz revela interior do novo Classe SL

A Mercedes-Benz prepara a chegada do novo SL, seu tradicional roadster esportivo que ganhará sua nova geração nas próximas semanas. E, como já virou costume da marca, o interior foi revelado antecipadamente – o que reduz um pouco o “fator novidade” na hora do lançamento de fato, mas é interessante de todo jeito.

As fotos revelam que o novo Mercedes SL terá configuração 2+2 – uma clara manobra para torná-lo mais apto a disputar clientes com o Porsche 911. Além disso, mostram também que a Mercedes-Benz continuará investindo nas telas verticais gigantes em seus carros. No novo SL, porém, há um truque: a tela pode ser inclinada para trás ou para a frente, de modo a reduzir os reflexos da luz do sol quando a capota está abaixada.

 

A arquitetura do painel lembra a do Classe S, assim como o design – que, como no sedã, é relativamente minimalista. E, com alguma imaginação, é possível identificar elementos de gerações anteriores: o posicionamento das saídas de ar, por exemplo, lembra tanto o R107 (sucessor direto do 300SL Gullwing) e também o R230 dos anos 2000.

Vale lembrar que o novo Mercedes-Benz SL terá uma arquitetura completamente nova – que, novamente, remete ao Porsche 911 pelo uso de alumínio na maior parte do monobloco, com porções críticas em aço ultra-resistente.

Após o lançamento, o novo Mercedes-Benz SL deve chegar às lojas na Europa até o final de 2021.

 

Gemballa Marsien: um supercarro off-road inspirado pelo Porsche 959

A Gemballa costuma ser lembrada por seus projetos de customização um tanto ousados demais (ainda que em menor grau que a Mansory), mas de tempos em tempos eles dão corpo a projetos realmente interessantes. E o mais recente deles acaba de ser revelado: o Gemballa Marsien, que se apresenta como um supercarro off-road inspirado no Porsche 959. Mais especificamente, no 959 Dakar que competiu na famosa prova rally raid.

Olhando para ele, não é difícil perceber que o carro usado como base foi o Porsche 911 – e na versão Turbo S ainda por cima, porém com o motor boxer preparado pela Ruf para entregar 750 cv e 94,8 kgfm de torque – o suficiente para que o carro vá de zero a 100 km/h em 2,6 segundos, com máxima de 330 km/h.

O nome do carro, segundo a Gemballa, é a palavra em francês para “marciano” – a inspiração foram as dunas do deserto árabe onde o Marsien foi testado, que lembram uma paisagem do planeta Marte.

Embora seja baseado no 911 Turbo S, o Gemballa Marsien recebeu uma suspensão totalmente nova, feita sob medida pela KW Automotive. O carro tem braços triangulares sobrepostos e amortecedores ativos que permitem uma altura de até 25 cm em relação ao solo no modo off-road, e de no mínimo 12 cm para uso no asfalto. Segundo a Gemballa, o tempo de reação dos amortecedores às condições do piso é de 20 milissegundos. Além disso, o chassi recebeu novos modos de condução – gravel, mud, sand e snow (cascalho, lama, areia e neve). Os pneus são Michelin do tipo todo-terreno.

A Gemballa diz que oferece alguns upgrades interessantes, como um motor ainda mais potente, com 830 cv; carroceria de fibra de carbono “feita pela mesma empresa que fornece componentes para a Fórmula 1”, suspensão Reiger com amortecedores de rali, e sistema de escape de titânio.

A Gemballa diz que a conversão do 911 Turbo S custa €495.000 (cerca de R$ 2,9 milhões em conversão direta) – sem incluir o carro usado como base. Serão feitas 40 unidades, e mais da metade já foi reservada.

 

Horacio Pagani vai construir esportivo que criou quando era criança

Todo mundo aqui já desenhou carros quando era criança – e alguns com certeza acabaram transformando a diversão em profissão. Também aconteceu com Horacio Pagani: muitos anos antes do primeiro Zonda, lançado em 1999, Pagani já usava seu talento para criar automóveis. E o primeiro deles – uma miniatura que ele fez sozinho quando tinha apenas 12 anos de idade – agora vai virar realidade.

O carro é um esportivo de motor central-traseiro e carroceria em forma de cunha, como era o padrão na década de 1970. Pagani ficou com a miniatura por todos esses anos, e agora decidiu que é hora de fazer uma versão de verdade. O carro será um one-off chamado Pagani Mara, em homenagem aos pais de Horacio – Mario e Marta Pagani.

Em seu canal no Youtube, Horacio Pagani disse que, com todos os projetos que tem em mente, com certeza se manterá bem ocupado até 2025. E um desses projetos será justamente o Pagani Mara, que ele pretende revelar até o fim do ano.

Ainda não há detalhes sobre o projeto, mas não ficaríamos surpresos se o carro for baseado no Huayra com uma nova carroceria retrô.

 

Volkswagen Saveiro deve ser reestilizada em 2022 e adotar motor 1.6 EA211 em todas as versões

Única rival direta da Fiat Strada, a Volkswagen Saveiro pode receber um novo motor para ganhar alguma vantagem na briga. De acordo com os colegas do Mobiauto, a VW pretende atualizar a Saveiro com uma nova reestilização e o motor 1.6 MSI EA211, dando a ela uma sobrevida até 2024 ou 2025.

Citando fontes ligadas à marca, a publicação afirma que tanto a Saveiro quanto a dupla Gol e Voyage perderão o motor 1.6 EA111 em 2022, quando entrará em vigor o Proconve L7, nova regulamentação para emissões no Brasil. A partir daí, o hatchback e o sedã serão oferecidos apenas com o motor 1.0 MPI, três-cilindros da família EA211, de 84 cv.

A Saveiro, por sua vez, deve adotar em todas as versões o 1.6 MSI, também parte da família EA211, com 120 cv (etanol) – uma vantagem importante diante dos 109 cv do motor 1.3 Firefly empregado na Fiat Strada. Atualmente, apenas a Saveiro Cross é equipada com o 1.6 MSI, pois as demais utilizam o 1.6 8v EA111 de 104 cv.

A mudança deve vir acompanhada de uma nova reestilização – a terceira desde o lançamento em 2009. O Mobiauto diz que a Saveiro Cross deve deixar a linha, a fim de padronizar o estilo da picape e conter custos.

 

Peugeot anuncia recall do 208 para troca do eixo traseiro

 

A Peugeot anunciou ontem (13) um recall para o novo 208. Os exemplares fabricados entre outubro de 2020 e janeiro de 2021 deverão ser levados às concessionárias da marca para a inspeção e possível substituição do eixo traseiro.

Segundo a fabricante, foi identificado um defeito de fabricação que pode ocasionar, em raras situações, a ruptura do eixo traseiro e consequente perda de controle do veículo. No total, 349 exemplares do 208 estão envolvidos no recall.

O atendimento, evidentemente gratuito, já pode ser agendado junto à fabricante. A Peugeot diz que o tempo de serviço é de 15 minutos para a inspeção do eixo traseiro. Caso seja necessário trocar o componente, o tempo estimado de reparo é de quatro horas.

Para consultar a situação de seus veículos e agendar o atendimento, os proprietários poderão ligar para o número 0800 703 2424 ou acessar o site da Peugeot.

Este Uno 1.5R pode ser seu!

Participe!

Clique aqui e veja como

Compartilhe agora