A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História Projetos Gringos

Bristol Fighter: um Dodge Viper feito pelos ingleses – com um V10 turbo de 1.025 cv!

O Dodge Viper é um dos superesportivos mais insanos do planeta, disso não há dúvida. Para ele, um big block aspirado de oito cilindros é pouco: ele precisa de dez, e pelo menos oito litros de deslocamento. Com design imponente e, ao menos até a geração atual, sem qualquer tipo de assistência eletrônica, o Viper é a representação máxima do esportivo americano. Há pouco mais de dez anos, porém, alguém decidiu transformar o Viper em um esportivo inglês. Foi quando nasceu o Bristol Fighter. A Bristol é uma fabricante britânica com uma trajetória curiosa. Fundada em 1945, dedicou-se desde então a fabricar carros de luxo à moda antiga — montagem artesanal, motores potentes e design que, bem, não é exatamente atual mas transborda elegância britânica. O Bristol Blenheim, por exemplo, é um cupê de luxo com motor V8 Chrysler e, apesar de ter sido fabricado até 2011, não ficaria tão deslocado caso viajasse no tempo e voltasse aos anos 70: Se você nunca ouviu falar na Brist

Matérias relacionadas

Alpine A442, o Renault esquecido que venceu as 24 Horas de Le Mans em 1978

Dalmo Hernandes

DKW + Audi + NSU: a origem da Volkswagen moderna

Marco Antônio Oliveira

“Eu queria ser Chico Landi”, o documentário que vai contar a história do primeiro grande piloto brasileiro

Dalmo Hernandes