A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Corvette ZR1 de zero a 100 km/h em 2,8 segundos, Pirelli lança pneu exclusivo para a Ferrari 250 GTO, Gol e Voyage terão cara nova e câmbio automático de seis marchas e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Corvette ZR1 vai de zero a 100 km/h em 2,85 segundos

2019 Chevrolet Corvette ZR1 – VIR lap record holder on Grand Course West. (Richard Prince/Chevrolet photo).

Em novembro passado, quando a Chevrolet apresentou o novo Corvette ZR1 C7, ela revelou praticamente todos os dados do novo supercarro, exceto um: seu tempo de aceleração de zero a 100 km/h. O tempo foi mantido em segredo desde então, mas, apesar de a Chevrolet ainda não tê-lo publicado oficialmente, um de seus executivos revelou os números ao site Corvette Blogger. E eles são surpreendentes até mesmo conhecendo as especificações técnicas do carro.

O Corvette Blogger entrevistou o gerente de produto responsável pelo Corvette, Harlan Charles, e ele revelou que o ZR1 chega aos 100 km/h em 2,85 segundos e aos 160 km/h em 6 segundos cravados, antes de cobrir o quarto-de-milha em 10,6 segundos a 215 km/h.

Isso coloca o ZR1 no seleto “clube dos dois segundos”, que tem, em sua maioria, modelos de tração integral, híbridos ou com motor central-traseiro, que têm vantagens dinâmicas sobre um carro de motor dianteiro e tração traseira. Caso o tempo se confirme, o 2,85 segundos necessários para chegar aos 100 km/h colocam o ZR1 ao lado de modelos como os Lamborghini Huracán e Aventador, o McLaren 720S, Honda NSX, Porsche 911 GT2 RS e até o McLaren P1.

 

 

Aston Martin descarta a possibilidade de voltar a usar motores seis-cilindros

aston-martin-db7-07-9230e57e

No início do mês, durante o Salão de Genebra, um dos engenheiros da Aston Martin, Matt Becker, disse à imprensa que ele via espaço para motores de seis cilindros nos futuros produtos da Aston Martin, o que nos levou a crer que a fabricante poderia estar trabalhando em uma versão de seis cilindros para seu novo Vantage.

Agora, descobrimos que isso foi apenas uma falsa expectativa: o próprio Becker disse, em entrevista ao site australiano Motoring, que a empresa não tem planos de usar motores de seis cilindros novamente. Becker disse que teve a oportunidade de experimentar o novo seis-em-linha turbo do Mercedes-AMG CLS 53 e ficou impressionado com o motor mas disse que não sabe se o motor se encaixaria nos atuais modelos da Aston.

Com 440 cv o atual seis-em-linha da AMG produz praticamente a mesma potência do V8 Vantage da geração anterior, o que poderia fazer uma versão de entrada interessante e não muito distante de modelos tradicionais da marca que usaram motores de seis cilindros em linha, sendo o último deles o DB7 1999, que usava um 3.2 supercharged de 340 cv.

 

Pirelli lança pneu exclusivamente desenvolvido para a Ferrari 250 GTO

ferrari_250_gto_1

 

A Pirelli anunciou nos últimos dias o pneu Stelvio Corsa, o mais novo modelo de sua linha de pneus clássicos, a Pirelli Collezione, e que deve ser o pneu mais exclusivo do planeta. O motivo para esta afirmação tão ousada? Bem… ele foi desenvolvido unicamente para a Ferrari 250 GTO, o que significa que somente 36 carros em todo o mundo poderão usá-los.

Entre 1962 e 1964 a Ferrari produziu 39 exemplares da 250 GTO, mas nos 54 anos desde o fim de sua produção três unidades acabaram destruídas ou perdidas. Todas elas estão guardadas em coleções ao redor do mundo e algumas até mesmo participam de eventos de pista em Monterey e Goodwood, mas até agora usavam pneus clássicos de aplicação geral.

Pirelli-Stelvio-Corsa-1024x626

Segundo a Pirelli, o Stelvio Corsa foi desenvolvido com os mesmos parâmetros usados nos ano 1960 para complementar a suspensão e as características dinâmicas do carro. Além disso, o desenho da banda de rodagem do Stelvio Corsa é praticamente idêntico ao desenho dos pneus originais da 250 GTO, uma vez que a borracharia italiana usou arquivos de época para reproduzi-lo.

pirelli-stelvio-sempione-e-rolle_2

A única diferença está no composto da borracha, que usa tecnologias modernas para melhorar a aderência e reduzir o desgaste. Os pneus são oferecidos somente nas medidas 215/70 R15 98W para as rodas dianteiras e 225/70 R15 100W para as rodas traseiras. O preço não foi divulgado, mas considerando que você é o proprietário de uma Ferrari de US$ 50 milhões, isso não será um problema.

 

Novos Jetta, Golf, Gol e Voyage chegam ainda neste ano

3_jelV9Vh

Além do Tiguan, previsto para abril, a Volkswagen terá outras três novidades para o mercado brasileiro neste ano: a nova geração do Jetta, e a reestilização de Gol e Voyage. Segundo o portal G1, a Volkswagen voltará a unificar o visual do Gol, do Voyage e da Saveiro, adotando um design semelhante ao da picape, com a grade mais alta e o logotipo mais pronunciado. Além disso, a dupla deixará de oferecer o câmbio automatizado I-Motion e passará a oferecer o câmbio automático de seis marchas do Polo.

VW-Golf-TSI-2018 (7)

Antes do Gol e Voyage, a Volkswagen também irá lançar o Golf reestilizado. O hatchback ganhou uma atualização visual no ano passado, mas o modelo só chegará ao Brasil após o lançamento do novo Tiguan. Além dos leves retoques estéticos, ele também será equipado com quadro de instrumentos digital.

volkswagen_jetta_7

Por último, a Volkswagen anunciou que a nova geração do Jetta também chega neste ano, mas não disse exatamente quando. Lembrando que em novembro teremos o Salão do Automóvel, parece uma boa oportunidade para lançar a nova geração do sedã médio. Gol e Voyage também estarão no evento, mas chegam um pouco antes.

 

Jaguar F-Pace SVR chega nesta semana

jaguar-f-pace-svr-0

Já vimos há alguns meses que a Jaguar está preparando uma versão hardcore do seu F-Pace. Batizada SVR, ela segue a receita dos demais veículos da Special Vehicles Operations da Jaguar Land Rover: um V8 supercharged insano na dianteira, tração integral e chassi recalibrado para lidar com a nova selvageria.

Ele terá pouco menos que os 575 cv do Range Rover e do Jaguar F-Type, mas terá o novo câmbio de 10 marchas da fabricante, que irá moderar a potência e o torque antes de enviá-los às quatro rodas. Ainda não há nenhum detalhe além da cilindrada e da sobrealimentação, mas sabe-se que ele terá rodas mais largas, um novo para-choques redesenhado com tomadas de ar maiores e modificações sutis na traseira, provavelmente por questões aerodinâmicas. A estreia acontece no próximo dia 28, no Salão de Nova York.

 

Matérias relacionadas

A nova geração do Suzuki Jimny já está entre nós – e chega em 2019

Leonardo Contesini

McLaren 600LT chega mais potente e mais leve – e mostra que os superesportivos estão mudando

Dalmo Hernandes

McLaren Senna Can-Am e LM revelados, Mercedes mostra AMG GT 73 em vídeo, 2020 será “o ano dos elétricos” e mais!