FlatOut!
Image default
Zero a 300

Fabricantes concordam com 27% de álcool na gasolina comum, Polícia de Goiás passa a usar carros apreendidos de traficantes, Honda mostra interior do HR-V nacional e mais!


Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas (ou não) do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Fabricantes concordam com aumento da mistura de álcool na gasolina comum e aditivada

gasolina_1

Além do aumento dos preços nos combustíveis, quem também irá subir é a mistura de álcool anidro na gasolina. O aumento já foi autorizado pelo governo e dependia apenas de viabilidade técnica e do consenso da associação dos fabricantes de veículos, a Anfavea. Após reunião da entidade com ministros e membros do setor sucroalcooleiro, foi acordado um teor de 27% de álcool na gasolina comum e aditivada, em vez dos 27,5% propostos. As gasolinas premium, com octanagem mais alta, não serão alteradas (esse tipod e gasolina atualmente é oferecido apenas pela Ipiranga, com sua Premium, e a Petrobras, com Pódium).

A Anfavea atribuiu a diferença entre premium e comum/aditivada à “não conclusão dos testes de durabilidade”, e por isso recomenda que os veículos com motor movidos apenas a gasolina abasteçam com gasolina premium, que já beira os R$ 4 por litro.

 

Polícia Civil de Goiás coloca em serviço 11 carros de luxo apreendidos de traficantes

veiculo

A exemplo das polícias de outros países, com a Inglaterra, a Polícia Civil de Goiás obteve autorização da justiça para colocar em serviço 11 carros de luxo apreendidos de uma quadrilha de traficantes. Segundo o portal G1, que veiculou a notícia, normalmente os carros seriam depositados no pátio até o fim do processo judicial contra os criminosos, que pode se estender por anos enquanto os carros se deterioram.

Contudo, uma lei de 2012 possibilitou a manobra de transferir os carros para o uso policial. De acordo com o juiz federal Alberico Rocha, entrevistado pela Rede Globo de TV, afirma que a utilização dos carros pela polícia “agiliza e evita a desvalorização dos bens e consiste em uma resposta mais imediata no combate ao crime” e que “a apreensão de drogas não resolve o problema do tráfico, mas que é preciso abalar os traficantes agindo nos bens, no patrimônio, dinheiro, veículos e fazendas”.

 

Honda apresenta interior do HR-V nacional

honda-hrv-nacional-002

Há menos de um mês vimos o interior do novo Honda HR-V no Salão de Detroit (se você ainda não viu, pode conferir neste post). Até a data do evento só havíamos visto o interior em um discreto vídeo publicado pela Honda em sua página do YouTube, e o carro exposto no Salão era a versão norte-americana do modelo. Apesar disso, a Honda afirmou que não haveria mudanças nos materias de acabamento.

honda-hrv-nacional-000 honda-hrv-nacional-001

Agora a Honda divulgou as primeiras imagens do lado de dentro do HR-V nacional e, de fato, os materiais parecem os mesmos observados na versão do norte. Também notamos alguns detalhes, como ajuste manual dos bancos e ausência de partida por botão, como já havíamos mencionado no post sobre o HR-V em Detroit. Contudo, o sistema multimídia, o freio de estacionamento elétrico e o console revestido foram trazidos para o modelo nacional. O HR-V será lançado em março, equipado com o motor 1.8 flex de 140 cv e custará entre R$ 68.000 e R$ 90.000.

 

Cinto de três pontos e encostos de cabeça para todos os ocupantes serão obrigatórios a partir de 2018

112_0802_04z+2009_audi_a4_avant+rear_seat

Depois da obrigatoriedade de airbag duplo e ABS para todos os carros nacionais, é a vez dos cintos de três pontos e encostos de cabeça traseiros serem equipamento obrigatório em todos os carros. De acordo com a resolução anunciada nesta semana pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), todos os carros novos vendidos no Brasil a partir de 2020 deverão ser equipados com encosto de cabeça e cinto de três pontos para todos os passageiros e sistema de fixação Isofix para cadeirinhas infantis.

A obrigatoriedade passa a valer a partir de 2018 para modelos novos e 2020 para modelos lançados antes de 2018 e que continuarem em produção após 2020.

ESTA Chevy GMC 500 2.0 16V Turbo
PODE SER SUA!

Clique aqui e veja como