A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture

Itasha: quando animes e carros se juntam em uma única e diferente subcultura automotiva

Não adianta: mesmo que você não tenha uma subcultura automotiva favorita, sempre há uma determinada cena com a qual você mais se identifica. Podem ser muscle cars, hot hatches, superesportivos, monster trucks... a lista é gigantesca e muito diversificada, incluindo algumas vertentes polêmicas, como os Itasha. Sim, estamos falando de mais uma subcultura automotiva do Japão — o país que deu ao mundo os caminhões dekotora, as vans customizadas, os kanjo racers e os excêntricos donos de supercarros que têm associações um tanto suspeitas com a Yakuza. Aliás, é curioso como, na Terra do Sol Nascente, fãs de alto desempenho e entusiastas que dão mais importância ao visual (mesmo quando este é questionável) parecem conviver em harmonia, não é? De qualquer forma, mesmo para quem já viu de tudo a cultura Itasha pode ser difícil de compreender: trata-se de um estilo de modificação que envolve, basicamente, pintar ou envelopar

Matérias relacionadas

Honda fica na IndyCar, novo Subaru BRZ ganha teaser, Toyota pode lançar Yaris S e mais!

Dalmo Hernandes

Este Fiat 147 Turbo com 250 cv é quase um sleeper | FlatOut Street

Dalmo Hernandes

Pequenos grandes roadsters: Alfa Romeo Spider

Dalmo Hernandes