FlatOut!
Image default
Car Culture

Mulsanne, Hunaudières, Arnage: o que significam os nomes dos Bentley?


Quem pretende comprar um Bentley procura duas coisas: um carro quase tão luxuoso quanto um Rolls-Royce, e um carro que tenha alto nível de desempenho e heritage das pistas –  Os Rolls são maiores, mais sisudos e tão potentes quanto, mas os Bentley são mais adequados a quem prefere conduzir a ser conduzido. A Bentley tem mesmo de se orgulhar e manter-se fiel a suas origens – afinal, ela nasceu como fabricante de luxo e teve sucesso no automobilismo. Em Le Mans, por exemplo, eles venceram seis vezes: em 1924, depois todos os anos entre 1925 e 1930, e em 2003. Por isto, a Bentley fez questão de manter as referências a Le Mans presentes em sua história. Como? Através dos nomes de seus carros, ora. Não foram muitos, é verdade – os Bentley batizados com referências ao lendário Circuito de La Sarthe são apenas três: Mulsanne, Arnage e Hunaudières. Dois carros produzidos em série e um conceito. Mas seu significado é grande, pois os três nos lembram de trechos marcantes do lendário