A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Top

Os carros mais icônicos de “Velozes e Furiosos”, explicados por seu criador

"Velozes e Furiosos 8" já está em cartaz no Brasil há alguns dias e, mesmo com as críticas pela falta de carros e pelo excesso de ação, é um sucesso. Sendo encarado como um filme de ação temperado com alguns carros legais, Fate of the Furious é até bem divertido. Além disso, a verdade é que os carros jamais desapareceram de "Velozes e Furiosos". As corridas podem não ser o pano de fundo e, em grande parte, foram substituídas por perseguições de carro, mas ainda estão presentes – quase como um prêmio de consolação para quem espera (sempre em vão) uma volta às raízes. De um jeito ou de outro, os carros de "Velozes e Furiosos" se tornaram parte do imaginário dos fãs e já ganharam miniaturas, tributos e réplicas de verdade. Todos os carros, desde o primeiro filme, foram feitos sob o comando do mesmo cara: Dennis McCarthy, dono da Vehicle Effects. A empresa fica em Hollywood, na Califórnia, e fornece automóveis customizados para vários outros filmes, incluindo filmes de he

Matérias relacionadas

Era assim que se pilotava um Renault R8 Gordini de corrida nos anos 60: uma aula com Jean-François Piot

Dalmo Hernandes

Um dos lendários Castrol Tom’s Supra GT foi encontrado (e vai ser restaurado!)

Dalmo Hernandes

Ford Sierra XR8: V8 de Mustang sob o cofre, passaporte da África do Sul

Milton Rubinho