FlatOut!
Image default
Car Culture

Para onde vai o dinheiro do IPVA?


Com a chegada do mês de janeiro vem também a cobrança dos dois principais impostos pagos pelas famílias brasileiras: o Imposto Predial e Territorial Urbano, mais conhecido como IPTU, e o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, o IPVA. Como seu nome sugere, o IPVA é um imposto cobrado pela propriedade de um veículo automotor — ou seja: se você tem um carro, você deve o imposto (se ele se enquadrar nas regras previstas na lei) mesmo se mantiver o carro parado na garagem. Ele é análogo ao IPTU: se você tem (ou aluga) uma casa ou um terreno, você deve o imposto — independentemente de morar ou não na cidade. O fato de dirigirmos os carros pelas ruas e estradas, e de pagarmos IPTU de imóveis que alugamos, acaba causando uma certa confusão sobre a finalidade destes tributos. Eles não são cobrados porque usamos estes bens, mas sim porque os possuímos. Por isso, diferentemente do que pode parecer, o IPVA não serve para manutenção das ruas e estradas, tal como o IPTU não