A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture História

Peter Brock: a história de um dos maiores pilotos australianos que já viveram

"Peter Perfect", ou "King of the Mountain", ou simplesmente "Brocky". Estes são os três apelidos de Peter Brock, e ele mereceu ao menos dois deles. O primeiro, porque ele foi simplesmente um dos melhores pilotos que já caminharam sobre a face da Terra – especialmente se você se atentar ao fato de que nem só de Fórmula 1 se faz um grande piloto. O segundo, porque ele venceu nada menos que NOVE vezes a Bathurst 1000, corrida de longa duração realizada no circuito de Mount Panorama, na Austrália. O terceiro era uma alcunha carinhosa pela qual os mais chegados se referiam a ele. Peter Brock morreu em 8 de setembro de 2006, aos 61 anos, em um acidente com uma réplica do Shelby Cobra Daytona – um carro quase tão incrível quanto o original, e igualmente perigoso. Ele morreu fazendo o que mais gostava, que também era o que ele sabia fazer de melhor, em uma idade na qual muita gente já pendurou as chuteiras (ou, no caso dele, as sapatilhas de pilotagem). Só por isso, ele merece todo nosso respeit

Matérias relacionadas

XJ220: o injustiçado supercarro da Jaguar que estava muito à frente de seu tempo

Dalmo Hernandes

Chevaux fiscaux: por que o Citroën 2CV não tinha mesmo 2 cv?

Dalmo Hernandes

O Dacia Duster já foi um jipe 4×4 de verdade

Dalmo Hernandes