FlatOut!
Image default
Project Cars Project Cars #523

Project Cars #523: um acidente e novos retoques no meu Fusca 1300, o Cerejinha


Por Douglas Furlan, Project Cars #523

Olá pessoal, após um tempinho me dedicando a muitos detalhes na Cerejinha, finalmente tá quase pronto o carro, falta pouco, ou pelo menos na minha cabeça acho que falta (risos), minha esposa não vê a hora: “Nunca Acaba?” 

Bom, o carro está andando, pude fazer vários testes e, ainda falta acerto mecânico, desde a mudança nos cabeçotes e aumento significativo da taxa de compressão para 12.3:1 o carro ganhou uns cavalinhos e junto veio algumas zebras, o carburador não está adequado e vamos montar outros em breve, de lenta e andando normalmente tá bem legal, mais em alta falta combustível e não vai…

Foram longos cinco anos mexendo no carro, já estava feliz com 70% do projeto concluído, mas, aconteceu um acidente no dia 20 de janeiro, isso mesmo, no dia nacional do Fusca eu fui encontrar alguns amigos e não vi uma moto se aproximando e arranquei com o carro, bati e como podem ver afetou a lateral, amassou porta quebrou vidro da porta, maçaneta, naca e cortou a borracha lateral traseira (o motoqueiro quebrou um dedo e a moto uma XRE quebrou umas peças da frente), além do dedo do cara, graças a Deus, nada de muito grave aconteceu.

Bom bora correr atrás de recuperar a moto e o Fusca, peças da moto compradas e R$1.200 a menos na conta comecei a correr atrás de umas peças e fiz questão de manter o padrão: par de maçanetas originais, vidro com emblema correto e naca cristal que o Orlando Belmonte ainda tinha uma guardada, 

Como estava com um descascado na lateral (90% parte da lataria consegui voltar no lugar), e ia mexer com tinta, aproveitei para trocar a tampa traseira que já estava comprada havia um ano, fiz a pintura e a coloquei no lugar. Ficou animal o visual do 1300 com a tampa do 1500, além de uma leve entrada de ar para refrigeração.

Voltando ao motor, o grande problema do cabeçote esquerdo era refrigeração, por isso estufou o radiador do motor e não deixou passar ar para o cabeçote, trincando a sede de válvula. Cheguei a andar com 130° de óleo, após a regularização do cabeçote e instalação do radiador de óleo hoje em estrada não passa dos 80° chegando a 90° parado. Problema resolvido agora só falta os carburas “bijet” dentro da Solex.

Agora ficaram prontas mais algumas peças da suspensão. Acho que em um mês o carro já estará com a cambagem negativa na dianteira e freios a disco.

Fui convidado a gravar para o canal do Marco Botelho e foi bacana mostrar o carro e seus detalhes.

Quem não viu pode dar uma olhada e acompanhar a evolução do carro.

Varias fotos desse blog foram feitas por Leonardo Figueira e ficaram animais. 

Em breve teremos a conclusão do carro e mostro para vocês como está ficando em algumas semanas.

Até lá!


 

Clique aqui para ver o índice do Project Cars!

Este Uno 1.5R pode ser seu!

Participe!

Clique aqui e veja como

Compartilhe agora