A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture História

The Blue Lady: o que aconteceu com o Mustang Shelby 1967 de Jim Morrison

No dia 3 de julho de 1971 o mundo perdeu um dos maiores frontmen, cantores e poetas de todos os tempos: Jim Morrison, o líder do The Doors. Talvez as gerações mais novas lembrem de sua música por causa do mashup com Snoop Dogg — uma das canções mais populares da trilha sonora de Need for Speed Underground 2. OK, talvez estejamos subestimando o gosto musical do pessoal: quem nunca ouviu clássicos seminais como Light My Fire, Riders on the Storm, The End, Roadhouse Blues, L.A. Woman? E isto só para ficar nas mais conhecidas! Ao vivo do Doors em 1969, para deixar rolando enquanto lê a matéria Mas por que estamos falando do The Doors aqui no FlatOut? Bem, se você leu o título deste post, já sabe: Jim Morrison, o eterno Rei Lagarto, tinha um Shelby Mustang GT500 1967, comprado zero quilômetro, e o usou como se deve até 1969, quando o carro desapareceu. Ele até deu um nome para o Shelby: The Blue Lady. Dois anos depois, em 197

Matérias relacionadas

Afinal, por que os sedãs não têm limpador do vidro traseiro?

Dalmo Hernandes

Como transformar uma multa em advertência?

Leonardo Contesini

Os melhores engine swaps envolvendo o Toyota 86 / Subaru BRZ

Dalmo Hernandes