A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Sessão da manhã

Um BMW M3 E46 com motor V8 de 882 cv é o melhor veículo para neve que existe

Se você quer um bom veículo para a neve, talvez seja uma boa ideia deixar de lado os pneus de uma vez e usar pás e esteira, como é o caso com um snowmobile. Mas há quem prefira algo mais tradicional: um carro, com volante e pneus de borracha. O drifter norueguês Ismail Salih, por exemplo, gosta de subir montanhas com seu BMW M3 E46 equipado com um V8 turbo de 882 cv. Quem somos nós para dizer que ele está errado?

Ismail Salih participa do campeonato europeu Drift All-Stars, que compreende seis etapas ao longo do ano em diversos países do Velho Continente, começando pelo Reino Unido no mês que vem. Agora, se você acha que Salih iria esperar até julho para acelerar seu BMW M3 de lado, você não entende muito de pilotos de drift…

ismail (3)

A título de “aquecimento” para o início da temporada, Salih foi até uma estação de esqui na Noruega para dar algumas derrapagens controladas montanha acima. Se você curte tomadas em câmera lenta, ronco de motor e demonstrações gratuitas de habilidade ao volante, saiba que veio ao lugar certo:

O carro também é um espetáculo à parte. Sentimos um pouco pelo motor que um dia esteve naquele cofre — afinal, estamos falando de um seis-em-linha de 3,2 litros com duplo comando no cabeçote, 343 cv e a capacidade de girar até 8.000 rpm. Contudo, não dá para reclamar do novo motor: trata-se do V8 M60 que ocupou o cofre do Série 5 E34, dos Série 7 E32 e E38 e até da versão “de entrada” do grand tourer Série 8.

Originalmente o motor era capaz de entregar 286 cv e 40,8 mkgf de torque, o que definitivamente não é ruim para um V8 de quatro litros sem indução forçada que deixou de ser fabricado há quase duas décadas. Com um turbo gigantesco, porém, os números foram catapultados para 882 cv e absurdos 126,4 mkgf (!!!) de torque.

ismail (2)

Para acomodar o novo motor o carro recebeu uma nova seção dianteira com uma estrutura tubular (e perdeu os para-lamas originais). O interior, como se espera de um carro deste calibre, foi completamente depenado (não há sequer painel de instrumentos) e recebeu gaiola de proteção completa e bancos e volante de competição — o “de sempre”, você sabe.

ismail (5) ismail (4)

Quanto aos pneus, o que temos aqui são praticamente dois carros em um: na primeira metade do vídeo, o M3 está com pneus normais, largos e borrachudos, para drift. Na segunda metade o carro recebe pneus de rali — mais finos e dotados de pregos para cravar a neve e conseguir mais aderência. Com mais grip o carro fica ainda mais rápido, o que é perfeito para vermos que pilotos de drift não entendem apenas de drift…

ismail (7)

[ Fotos: Henrik Oulie Media/Ismail Salih Drifting ]

Matérias relacionadas

Nissan R90CK: domando um protótipo Le Mans de 1.100 cv no Circuito de La Sarthe

Dalmo Hernandes

Cobra vs. Cobra: o embate entre dois clássicos americanos no Goodwood Members Meeting

Dalmo Hernandes

Tamanho não é documento: os pequenos foguetes que correm nas provas italianas de slalom

Dalmo Hernandes