FlatOut!
Image default
Sessão da manhã

Você nunca viu um motor boxer de Porsche desse jeito


Na verdade, é provável que você sequer tenha visto um boxer de Porsche detalhadamente. Afinal, os cilindros ficam deitados e, por isso acabam escondidos sob todos os acessórios e componentes agregados, que ficam por cima do bloco e dos cabeçotes — o único lugar onde eles podem ficar.

Mas este vídeo da Film Kooperation está aqui para nos ajudar e ensinar. Durante o processo de recuperação e preparação de um motor 3.2 arrefecido a ar do Porsche 911 Carrera, eles decidiram fotografar cada etapa da desmontagem do flat-6 para depois transformá-lo nesse time lapse incrível que você vê a seguir.

A turma das antigas, acostumada a soprar giclê de carburador e a lixar platinado de Fusca certamente vai reconhecer as semelhanças entre os motores, e não se surpreenderá com as diferenças de um boxer arrefecido a ar em relação aos populares motores de cilindros em linha e arrefecidos a água que predominam o mercado atual.  Já aqueles que nunca viram um boxer a ar, certamente vão achar curioso a forma com a qual os cilindros são montados no bloco e suas as aletas de refrigeração.

E quem nunca colocou a mão na graxa — ou ao menos a cara perto de um motor desmontado, certamente ficará hipnotizado pela quantidade de peças e componentes que formam essas máquinas maravilhosas. Só de imaginar que você precisa ficar atento a cada porca, cada mola, cada parafuso que precisa ser retirado na mesma ordem em que entrou, já fico atordoado. Se eu sempre acabava com uns parafusos sobrando depois de desmontar minha bike, imagino o que eu faria com um motor. Melhor deixar para quem lida com isso diariamente.

Este Uno 1.5R pode ser seu!

Participe!

Clique aqui e veja como

Compartilhe agora