FlatOut!
Image default
Car Culture

A mágica e a arte perdida das partidas de motor


Lembra qual era a profissão de George Jetson? Apertador de botões. Era tudo o que ele fazia na fábrica de engrenagens do sr. Spacely. Apertar botões. É uma sacada brilhante dos criadores do desenho animado, afinal, George Jetson é um cara do futuro e, naquele futuro romântico, tudo seria fácil. Você aperta um botão e a mágica acontece. É a simplificação máxima da tarefa. Menos trabalho que apertar um botão? Só telepatia. Na mesma época dos Jetsons, a computação já era relativamente bem desenvolvida, mas o pessoal do ramo estava longe de ser apertador de botões. Os computadores eram enormes, e tinham consumo de energia proporcional ao seu tamanho. A confiabilidade das mídias não era grande coisa, e o preço era inversamente proporcional a elas. Quem trabalhava na área, normalmente tinha que escrever o código em papel, revisar o código, e depois perfurar os cartões e fitas, ou gravar as fitas magnéticas. Ou seja: eles precisavam conhecer a raiz do negócio. Eles criaram as mágic