A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Avaliações

Aceleramos o Land Rover Discovery Sport Diesel no Parque Nacional do Itatiaia

Há exatamente sete meses, vocês conheceram o veículo que veio para substituir o Freelander 2: o Discovery Sport, com a mesma plataforma LR-MS que estrutura o Evoque, motor 2.0 turbo Ecoboost a gasolina, 240 cv a 5.500 rpm, 34,6 mkgf de torque entre 1.750 e 4.000 rpm, mais transmissão automática ZF 9HP, de nove marchas, e sistema de tração nas quatro rodas regulável Terrain Response. Agora é hora de conhecermos o mais novo lançamento da família: a versão a diesel do Discovery Sport. Sob o capô, o Ingenium 2.2, com bloco e cabeçote de alumínio, camisas de aço, injeção direta common rail operando a 1.800 bar, eixos balanceadores para reduzir vibrações (alguém aí se lembra dos H22 e H23 do Honda Prelude?), circuitos de arrefecimento independentes do bloco e cabeçote, jatos de óleo para arrefecimento da cabeça dos pistões por baixo, taxa de 15,8:1, duplo comando roletado, variável nas válvulas de escape, e sistema de recirculação e arrefecimento dos gases de escape para a tu

Matérias relacionadas

Aceleramos: Camaro Sunrise SS (conversível) a 200 km/h na pista da Chevrolet

Juliano Barata

Aceleramos o Suzuki S-Cross: o SX4 que virou crossover

Juliano Barata

Teste do Mustang GT Premium 2018 no Brasil: aceleramos o rival do Camaro SS no Velo Città!

Juliano Barata