A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História Zero a 300

Além do A110: a história e os outros carros da Alpine

Já dissemos duas ou três vezes, mas vamos repetir: o Alpine A110 foi um dos lançamentos mais bacanas de 2017. Sua carroceria retrô nos agradou muito; sua dinâmica, pelo que andamos vendo por aí, é espetacular; e sua concepção mecânica, com motor quatro-cilindros turbo, câmbio de dupla embreagem tração traseira, é contemporânea e eficiente, sem números superlativos e sem perfumarias desnecessárias. É uma pena que a Alpine não atue no Brasil. Agora, ao lembrar da Alpine, os carros mais lembrados são justamente o A108 e o A110, clássicos dos anos 60 e 70 que se tornaram os maiores ícones da marca. O A108 foi produzido no Brasil sob licença como Willys Interlagos. O A110, seu sucessor, foi o carro que venceu a primeira edição do WRC, o Campeonato Mundial de Rali, em 1973. Mas a história da Alpine é muito mais rica do que isto – a companhia foi fundada em 1955, e fabricou automóveis até meados da década de 90.

Matérias relacionadas

Volkswagen revela Jetta GLI com motor do Golf GTI, Bugatti apresenta edição especial do Chiron Sport, Haas apresenta carro de 2019 e Fittipaldi como terceiro piloto e mais!

O novo hipercarro da McLaren, a volta da McLaren-Mercedes na F1, um novo recorde da Koenigsegg e mais!

Vai um muscle car “alternativo”? Este Oldsmobile Cutlass S 1969 com motor V8 350 está à venda no Brasil

Dalmo Hernandes