FlatOut!
Image default
História

Bruxas da Noite: a incrível história das pilotas soviéticas que ajudaram a derrotar os nazistas


O ano era 1941. Adolf Hitler e seu exército haviam invadido a União Soviética e estavam a apenas 35 km de Moscou. Leningrado já estava sitiada e cerca de três milhões de soviéticos eram prisioneiros dos alemães. Àquela altura o exército soviético estava recuado e a força aérea precisava desesperadamente de pilotos para reforçar o combate. Josef Stalin então decidiu chamar Marina Raskova, uma famosa aviadora e recordista de voos de longa distância, para organizar um regimento feminino de pilotos. A missão? Bombardear o exército nazista durante a noite. Assim se formou o 588º Regimento de Bombardeio Noturno, constituído somente por mulheres — de mecânicas a navegadoras, "pilotas" e oficiais —, que causou tanto pânico e destruição ao exército alemão que acabaram conhecidas como "Nachthexen", ou "As Bruxas da Noite". As integrantes do Regimento tinham em sua maioria cerca de 20 anos, e após meses de treinamento em Engels, uma cidade pequena ao norte de Stalingrado, ela