A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Automobilismo

Como a Toyota fez a maior trapaça da história do automobilismo?

Quando falamos em esportivo da Toyota dos anos 1990 é o Supra que vem à mente da maioria dos entusiastas. Só que... como lembramos há algumas semanas, o grande esportivo da Toyota nos anos 1990 era o Celica. Era ele quem estava sob os holofotes, estampando capas de revistas, vencendo corridas e aparecendo nos games. Isso começou a mudar em 1995, quando a Toyota foi flagrada com um dispositivo ilegal no motor turbo dos Celica do Mundial de Rali (WRC). Com isso a equipe foi desclassificada e suspensa do campeonato por um ano. Quando eles finalmente puderam voltar ao Mundial, o regulamento havia mudado e os carros do Grupo A foram substituídos pelo novo World Wally Car. O Celica deu lugar ao Corolla hatch e, em seguida, ganhou uma nova geração menos inspirada e com tração dianteira. O tal dispositivo que desclassificou a Toyota era um restritor modificado para permitir a admissão de um maior volume de ar, o que resultava em uma vantagem de aproximadamente 50 cv sobre os demais. Na época a Toyot

Matérias relacionadas

Como era pilotar um Opala da Stock Car na década de 1980?

Dalmo Hernandes

Sim: nós temos rali no Brasil. E eu fui ver de perto uma etapa do Campeonato

Leonardo Contesini

Pink Pig: quando a Porsche colocou um 917 cor-de-rosa para correr em Le Mans

Dalmo Hernandes