FlatOut!
Image default
Pensatas

Derrubando o mito dos jovens que não querem mais carros


Ainda faltavam quatro meses para eu completar 18 anos. Eu fazia curso pré-vestibular extensivo, pois precisava ser aprovado na Universidade Federal de Santa Catarina, então volta e meia ia para as aulas à tarde. Oficialmente eram aulas "de reforço", mas na realidade eram aulas em que o professor atendia meia-dúzia de alunos e passava o resto do tempo conversando sobre qualquer coisa com os gatos pingados que apareciam ali. Naquele dia, especificamente, eu fui a uma aula de língua portuguesa porque havia perdido a manhã no pátio do Batalhão de Infantaria, fazendo o juramento à bandeira depois de ter sido dispensado do serviço militar. E eu lembro especificamente deste dia porque aconteceram duas coisas que serviram de referência temporal entre si, e voltaram a se relacionar nesta manhã de 2021, quando refletia sobre um link que o MAO compartilhou no grupo do FlatOut. A primeira é que eu voltei do meu "dever cívico" de carona com um amigo que já tinha carro, e escapei dos ônibus lotados por